Quarta-feira, 19 de Junho de 2019
Craque

Copa 2014: Adidas presenteia recém-nascidos com a ‘Brazuca’

A Adidas vai doar uma bola oficial do Mundial de Futebol de 2014 para todas as crianças nascidas no dia 3 de dezembro; pais e responsáveis de Manaus podem retirá-la no conjunto Morada do Sol



1.jpg A bola oficial da Copa do Mundo de 2014 está sendo distribuída aos pais das crianças nas 12 cidades-sede do mundial
04/12/2013 às 10:46

Todas as crianças que nasceram nesta terça (3), no Brasil, poderão receber de presente um exemplar da “Brazuca”, bola oficial do Mundial de Futebol. Ela pode ser retirada em Manaus e em outras 12 capitais que sediarão jogos da Copa do Mundo de 2014. A Brazuca foi apresentada oficialmente na noite ontem, pela Adidas do Brasil LTDA, responsável pela fabricação da bola da Copa.

Os pais e responsáveis dos recém-nascidos só precisam apresentar a Certidão de Nascimento, original e cópia das crianças, nos postos de trocas. Em Manaus o posto funcionará na rua M-N, nº9, conjunto Morada do Sol, bairro Aleixo, Zona Centro-Sul.

A troca será feita apenas durante a próxima sexta-feira e sábado, de 10h às 18h. A certidão de nascimento dá direito à troca apenas de uma bola. Ela é necessária para comprovar o nascimento da criança no dia 3 de dezembro.

Desta maneira, pais, mães e amigos dos pais de crianças de qualquer um dos 62 municípios do Amazonas podem vir à capital com o documento que comprova o nascimento, em maternidade, entre 0h e as 23h59 do dia 3, e retirar a bola.

O presente aos pequenos manauaras faz parte da promoção “Eu sou Brazuca”, lançada pela Adidas em comemoração à campanha de lançamento da “redonda” da Copa. O intuito é fazer que o dito que diz que “as crianças brasileiras nascem com uma bola de futebol nos pés” se torne realidade, além de aproximar mais empresa do público brasileiro.

A Adidas informou que não tem previsão da quantidade de bolas que serão distribuídas e que também não divulgará os valores aplicados na campanha. Foram distribuídas Brazucas em grande escala para as 12 capitais, mas se ocorrer falta em estoque nos pontos de troca, a empresa garante que entregará a bola na residência do responsável pela troca, dentro do prazo estabelecido.

O regulamento apresentado pela empresa relata que a ação tem caráter exclusivamente cultural recreativo, além de ser voluntária e gratuita. A empresa deixou claro que a distribuição da bola não passa por nenhum tipo de sorteio ou pagamento dos participantes, independente do número de crianças que nasceram

Receba Novidades


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.