Publicidade
Esportes
Vai começar a festa!

Copa do Brasil inicia nesta quarta-feira (16) e tem artilheiro em busca de recorde

Competição que reúne clubes de todas as divisões do futebol brasileiro conta com 86 times em busca do título. Atacante Fred, do Fluminense, pode superar Romário como maior goleador do torneio 16/03/2016 às 13:58 - Atualizado em 16/03/2016 às 15:27
Show csm fred marca contra o botafogo roberto filhoelevenfolhapress  cd1966f3df
Com 34 gols na Copa do Brasil, Fred pode ultrapassar Romário na artilharia geral da competição.
acritica.com

A Copa do Brasil, que se inicia nesta quarta-feira (16), é famosa por ser a competição mais democrática do calendário anual, já que promove equipes de todas as regiões do país. A artilharia da competição não foge a essa filosofia. Em 2004, por exemplo, o ex-meia Dauri, do modesto XV de novembro do Rio Grande do Sul, foi o artilheiro, com oito gols. No ano seguinte, foi estabelecido o recorde de gols em uma mesma edição, que permanece até os dias de hoje: 14 gols do atacante Fred, então jogador do Cruzeiro.

Onze anos depois, Fred está no Fluminense e se prepara para mais uma Copa do Brasil. O atacante, aliás, tem uma motivação a mais para esta temporada: alcançar o recorde de maior artilheiro de todas as edições. Ao todo, o camisa 9 tricolor tem 34 gols, dois a menos que o ex-atacante Romário. Algo que chama atenção sobre Fred é a média de gols na competição, de 0.96. O dono da maior marca é Luís Fabiano, atualmente no Tianjin Quanjian, da China, de 24 gols em 24 jogos.

Outro atleta que disputará a Copa do Brasil deste ano em busca de um feito de destaque é Gabriel, do Santos. Artilheiro das últimas duas edições, com seis gols em 2014 e oito em 2015, o atacante busca terminar a competição como maior goleador pela terceira vez consecutiva, algo jamais alcançado. Caso tenha sucesso, igualaria a marca do ex-atacante Gerson, artilheiro em 1989 e 1991 pelo Atlético-MG e 1992 pelo Internacional.

Com 86 clubes de Norte a Sul do país, a Copa do Brasil 2016 tem fortes candidatos ao posto de maior goleador. Será que teremos mais um recorde ou um artilheiro inédito?

Lista de artilheiros:

1989 - Gérson (Atlético-MG): 7 gols
1990 - Bizu (Náutico): 7 gols
1991 - Gérson (Atlético-MG): 6 gols
1992 - Gérson (Internacional): 9 gols
1993 - Gílson (Grêmio): 8 gols
1994 - Paulinho McLaren (Internacional): 6 gols
1995 - Sávio (Flamengo): 7 gols
1996 - Luizão (Palmeiras): 8 gols
1997 - Paulo Nunes (Grêmio): 9 gols
1998 - Romário (Flamengo): 7 gols
1999 - Petkovic (Vitória) e Romário (Flamengo): 8 gols 
2000 - Oséas (Cruzeiro): 10 gols
2001 - Washington (Ponte Preta): 11 gols
2002 - Deivid (Corinthians): 13 gols
2003 - Nonato (Bahia): 9 gols
2004 - Alex Alves (Botafogo) e Dauri (15 de Novembro): 8 gols
2005 - Fred (Cruzeiro): 14 gols
2006 - Valdiram (Vasco): 7 gols
2007 - André Lima (Botafogo), Dênis Marques (Atlético-PR) e Victor Simões (Figueirense) : 5 gols
2008 - Edmundo (Vasco): Romerito (Sport) e Wellington Paulista (Botafogo): 6 gols
2009 - Taison (Internacional): 7 gols
2010 - Neymar (Santos): 11 gols
2011 - Alecsandro (Vasco), Rafael Coelho (Avaí), William Júnior (Avaí), Adriano (Palmeiras) e Kléber (Palmeiras): 5 gols
2012 - Luís Fabiano (São Paulo): 8 gols
2013 - Hernane (Flamengo): 8 gols
2014 - Gabriel (Santos), Bill (Ceará) e Léo Gamalho (Santa Cruz): 6 gols
2015 - Gabriel (Santos): 8 gols

Publicidade
Publicidade