Domingo, 20 de Outubro de 2019
Craque

Corrida Aguinaldo Archer Pinto revela talento de A CRÍTICA

Silvia Silva e equipe Manaus Esporte Clube/Equipe TV A Crítica fizeram bonito em prova disputada no último sábado



1.jpg Rebeca superou problemas mecânicos e chegou em segundo lugar
25/11/2013 às 09:20

Depois de travar um duelo até a última volta com a vencedora da categoria Olímpica Elite Feminina, Silvia Silva, (amazonense que compete por São Paulo), a ciclista amazonense Rebeca Fonseca (Manaus Esporte Clube/Equipe TV A Crítica), segurou o segundo lugar à frente da goiana Clemilda Fernandes, numa disputa emocionante decidida somente nos últimos metros da linha de chegada da 54ª corrida Ciclística Aguinaldo Archer Pinto e 21ª da Amélia Archer Pinto, na manhã de sábado (23) no circuito da praia da Ponta Negra, Zona Oeste de Manaus.

Ao final da prova, a vencedora Silvia Silva, estava feliz em ter superado as demais corredoras.



“A parte mais difícil do percurso foi no final lá pela quinta volta quando tive que forçar o ritmo para abrir vantagem em relação à segunda colocada”, afirmou a campeã. Já Rebeca Fonseca era só felicidade com o resultado, mesmo tendo enfrentado problemas mecânicos na bicicleta.

“No ciclismo existe algo que chamamos de característica de cada atleta. A Silvinha ganhou na característica dela que é a resistência e eu na minha que é o sprint (velocidade por um curto período de tempo), por isso estou muito feliz como se fosse o primeiro lugar. Tive uma dificuldade com a marcha da bicicleta que estava com problemas e isso atrapalhou. Regulei para a corrida, mas infelizmente voltou a dar defeito durante a prova. A Clemilda é a primeira do ranking brasileiro é uma ciclista de nível mundial por isso estou muito satisfeita pelo meu desempenho contra ela”, disse eufórica.

Paraense vence
Na categoria Elite masculina, o paraense Lourismar Silva, brilhou no percurso de 90 quilômetros e desbancou os favoritos Roberto Pinheiro e Andrei Ortiz que teve que se contentar com a terceira colocação.

“Queria fechar o ano vencendo uma grande prova de ciclismo e felizmente conquistamos o nosso objetivo. Traçamos uma boa estratégia de fugir no retorno da ponte e segurar as primeiras colocações. Agora vou me preparar para o ano que vem quando vou competir no Maranhão”, disse Silva.

Time sai satisfeito
Composta por sete ciclistas, a Manaus Esporte Clube/Equipe TV A Crítica, estava satisfeita com o desempenho dos atletas durante a 54ª corrida ciclística Aguinaldo Archer Pinto. De acordo com o ciclista Ivaldo Miranda, que chegou em 10ª lugar, o apoio da Rede Calderaro de Comunicação foi fundamental para a boa perfomace apresentada pelos atletas. “Disputamos a competição com quatro ciclistas na categoria Elite masculina, duas na Elite feminina e um na categoria Master. Infelizmente estávamos desfalcados de alguns atletas por motivo de doença. Estamos agradecidos ao apoio que a Rede Calderaro vem dando aos atletas e ao ciclismo amazonense. A parte mais difícil do circuito foi na estrada do Tarumã”, avaliou Miranda.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.