Quarta-feira, 13 de Novembro de 2019
Seleção do Naça

Craques do Nacional dão palpites sobre a Seleção Brasileira

Curtindo a folga, jogadores do Nacional palpitam sobre time Canarinho de Luis Felipe Scolari



1.png Jogadores se reuniram em churrasco para celebrar fase
12/06/2013 às 09:28

Com a paralisação por mais de 20 dias dos jogos da Série D do Campeonato Brasileiro e da Copa do Brasil, os jogadores do Nacional já estão no clima da torcida pela Seleção Brasileira na Copa das Confederações. Os atletas nacionalinos, prometem torcer muito pelo Brasil neste sábado(15), quando o time do técnico Luís Felipe Scolari entra em campo para o primeiro desafio contra o Japão.      

Segundo o meia-atacante Danilo Rios, o técnico Felipão procurou escolher o que havia de melhor entre os jogadores na atualidade, mas esqueceu de um jogador em especial. “O volante Ramires, do Chelsea, tem condições de estar nesse time e brigar pela vaga de titular. Para mim, por tudo que ele vem jogando na Europa, ele não deveria ter ficado de fora. Devo assistir aos jogos do Brasil em casa com a família com muita pipoca e refrigerante“, promete.



Para o atacante Garanha, a Seleção Brasileira ainda não convenceu o torcedor. Ele disse que todo brasileiro é um pouco treinador de futebol quando se trata da amarelinha. “Serão jogos difíceis, a prova de fogo do time do Scolari. O Brasil tem que mostrar na Copa das Confederações que tem condições de ganhar a Copa do Mundo no Brasil. Contra a Inglaterra, o time foi meia-boca e contra a França, evoluiu um pouco. Temos que usar melhor as características de cada jogador. O Paulinho tem que jogar mais à frente, como atua no Corinthians”, sugeriu Garanha.   

Dinamite quer Hernanes

O volante Roberto Dinamite, que já atuou no futebol europeu, disse que o jogador Hernanes, da Lázio, na ausência do Ramires, deveria ser titular no time do Felipão. Ele disse que já está se programando para assistir as partidas da Copa das Confederações depois dos treinos do Nacional com a família, em casa. “O Ramires não deveria ter ficado de fora desta competição. Mas já que não foi convocado, prefiro o Hernanes atuando nesta posição. É um jogador ofensivo e com muita visão de jogo. Deveríamos ter levado um jogador experiente e campeão da Copa das Confederações como o Ronaldinho Gaúcho ou o Kaká para impor mais respeito às outras seleções. O nosso time é muito jovem, mas tem condições de fazer uma grande campanha”, avaliou Dinamite.

Atletas temem italianos

Depois de avaliar os adversários do Brasil na primeira fase - Japão, México e Itália, o meia-atacante Danilo Rios acredita que Brasil e Itália ficam com as vagas para a próxima fase. “É um grupo forte, mas o Brasil tem condições de brigar pelo título. A Itália pela tradição e os jogadores que tem também se classifica. O México tem dado trabalho e o Japão evoluiu nos últimos anos e tem muita velocidade”, avaliou o craque azulino.

O capitão do Nacional, Roberto Dinamite, também aposta que os italianos vão brigar com o Brasil pelo primeiro lugar do grupo. “O Brasil passa fácil pelo Japão. O México é perigoso. A partir deste jogo, aumenta o nível de dificuldade, mas o jogo  que vai definir a classificação é mesmo o com a Itália”, disse Dinamite.

Já o experiente atacante Garanha acredita que o time do técnico Luís Felipe Scolari pode ganhar a confiança que precisa na Copa das Confederações para o restante da preparação até a Copa do Mundo. “A Itália será o adversário mais difícil. O Japão é muita correria e também pode dar trabalho. Mas quem me preocupa é o México. Eles têm bons jogadores e faz tempo que não ganhamos deles”, advertiu.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.