Domingo, 09 de Maio de 2021
Futebol amazonense

Cumprir tabela: Manaus visita Imperatriz-MA na última rodada da fase de grupos da Série C

Esmeraldino não briga mais por classificação para o quadrangular, enquanto que o Cavalo de Aço vai em busca de sua primeira vitória na competição



eb84b951-6353-4286-9a42-708266691081_5A36CB5E-A839-4DE7-9419-FFACE0C58BE0.jpg Foto: Ismael Monteiro/MFC
05/12/2020 às 11:48

Para encerrar os trabalhos na atual temporada da Série C, o Manaus vai até o Maranhão para enfrentar o Imperatriz, na tarde deste sábado (5), às 16h (horário de Manaus), no estádio Frei Epifãnio. Com 23 pontos, o Gavião do Norte vem de derrota para o Remo-PA, dentro da Arena da Amazônia e perdeu a chance de chegar ao quadrangular. Já o Cavalo de Aço vem de uma melancólica participação na Série C, rebaixado para a Série D, sem conseguir nenhuma vitória e tendo acumulado 16 derrotas em 17 partidas.

Passando por um desmanche, o Manaus começou seu processo de reformulação pensando em 2021. Spice, Márcio Passos e Gabriel Davis renovaram e farão parte do elenco para a próxima temporada, mas os três foram emprestados, sendo os dois primeiros ao elenco do Fast e Davis ao Caxias, que também joga a Série D. O goleiro Bruno Saul, o lateral Tsunami, o volante Derlan, o meia Janeudo e o atacante Matheuzinho tiveram seus contratos rescindidos.



Além desses detalhes, o Manaus não poderá contar para a partida contra o Cavalo de Aço, com o zagueiro Luís Fernando e o centroavante Hamilton, ambos suspensos pelo terceiro cartão amarelo. Com 14 atletas à disposição, este o provável time titular que o assistente permanente da comissão técnica do Gavião do Norte, Souza Brito, deverá colocar à campo: Jonathan; Edvan, Patrick Borges, Ramon e Rennan; Carrilho, Panda, Jandy; Philip, Rossini e Simionato.

Com a saída do técnico Luizinho Lopes, que também pegou a ‘barca’ de profissionais que deixaram o Esmeraldino, Souza Brito terá a responsabilidade de comandar o que sobrou do elenco para esta última rodada. O assistente disse que não fará grandes mudanças e que manterá o modelo de jogo que Luizinho vinha exercendo e focará mais na área motivacional com os atletas.

“Vamos manter o modelo do Luizinho, todos os jogadores estão acostumados com o que vinha sendo mostrado, agora é motivar o grupo que ainda temos”, concluiu.

Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.