Publicidade
Esportes
O coro vai comer!

Dana White sinaliza revanche de José Aldo contra Conor McGregor

Presidente do UFC disse querer ver nova luta entre o brasileiro e o irlandês pela unificação dos peso-pena; atualmente, o amazonense detém o cinturão interino, enquanto o "falastrão" é dono do título linear da categoria 26/09/2016 às 10:48 - Atualizado em 26/09/2016 às 10:49
Show jose aldo e conor mcgregor tambem fizeram uma encarada tensa 1426876091936 956x500
No primeiro e único confronto valendo o título dos penas, McGregor nocauteou Aldo com apenas 13 segundos de luta (Foto: Divulgação/UFC)
ACritica.com Manaus (AM)

"Eu quero que ele enfrente José Aldo!", a frase é do presidente do UFC, Dana White, dando carta branca para a tão aguardada revanche entre o brasileiro José Aldo e Conor McGregor. O mandatário do Ultimate não apontou data para o novo duelo, mas "abençoou" o combate, que vale a unificação dos pesos-pena da Organização. A decisão volta a colocar frente a frente uma das atuais maiores rivalidades do MMA no planeta.

Questionado se o novo confronto entre o amazonense e o McGregor poderia ocorrer no histórico UFC 205 - que marca a estreia do Ultimate na cidade de Nova York -, agendado para o dia 12 de novembro, Dana deu a entender que tudo depende do irlandês. "McGregor está com o pé lesionado, mas acha que pode lutar", revelou o dirigente em entrevista ao site "Yahoo Sports".

José Aldo e Conor McGregor se enfrentaram pela disputa do cinturão dos penas no UFC 194 e o irlandês assombrou o mundo ao nocautear o brasileiro com apenas 13 segundos de combate. Desde então, o "falastrão" (como é conhecido) subiu de categoria e José Aldo acabou se tornando o dono do cinturão interino da categoria. Um novo combate entre ambos unificaria o título e colocaria um fim provisório a discussão de quem é o melhor peso pena da Organização.  

Publicidade
Publicidade