Publicidade
Esportes
Craque

'De certa vai ser uma negra', diz Lana sobre terceira final seguida entre Naça e Princesa

Sempre polêmico, o treinador também refutou favoritismo absoluto e disse que 'não joga confetes' no adversário; final será no próximo sábado, às 15h, na Arena da Amazônia 09/06/2015 às 18:48
Show 1
'Professor' Lana fechou os treinamentos do Nacional neste semana
Felipe de Paula Manaus (AM)

Às vésperas da quinta final consecutiva no Campeonato Amazonense, o Nacional quer afastar o clima de euforia e manter o foco e a concentração para a primeira partida da decisão, neste sábado, às 15h, na Arena da Amazônia. Por isso, o comando do Leão da Vila fechou os treinos desta semana no Centro de Treinamento Barbosa Filho aos torcedores e à imprensa.

“Não tem nada de anormal. A gente precisa focar mais. Chegou a reta final, não podemos viver nesse clima de euforia. Tem que se concentrar até os jogos”, disse Lana, que atendeu à reportagem por telefone após o treino e respondeu as perguntas da reportagem sobre a rivalidade entre os dois times e o favoritismo atribuído ao Nacional, não sem uma boa dose de polêmica.

“Considero como favorita toda equipe que chega na final, porque chegou com mérito. Então não vem com essa de que Nacional é favorito, dar uma de João-Sem-Braço. Isso não vai influenciar em nada (favoritismo do Nacional), jogar confete no adversário. O fato de o time chegar na final já é condição para ser campeão”, disse Aderbal Lana.

A negra

Sendo este o terceiro ano consecutivo em que acontece uma final entre Nacional e Princesa, tendo o Tubarão do Solimões vencido em 2013 e o Leão da Vila em 2014, os dois embates que decidirão quem fica com o título do primeiro Amazonense pós-Copa do Mundo será uma espécie de “negra” entre as duas equipes. E Lana concorda.

“Existe negra até no palitinho. De certo que vai ser uma negra. É a vida, são duas equipes que se prepararam. O Princesa tem uma diretoria de pessoas sérias, é um time que hoje joga em Manaus como se jogasse em casa”, elogiou. Para a partida de volta, o treinador já confirma a volta do meia Charles, mas o atacante Leonardo e o zagueiro Maurício Leal fizeram exames no Departamento Médido e ainda são dúvida para a partida.

Publicidade
Publicidade