Publicidade
Esportes
Craque

De craques a brigões: brasileiros são acusados de conduta violenta no Campeonato Inglês

O atacante brasileiro naturalizado espanhol Diego Costa e o zagueiro Gabriel Paulista podem ser suspensos por confusão na partida entre Chelsea e Arsenal, pela Premier League 22/09/2015 às 11:41
Show 1
Diego e Gabriel trocaram "elogios" no duelo entre Arsenal e Chelsea.
Martyn Herman/Reuters Londres (Inglaterra)

Diego Costa, atacante do Chelsea, e Gabriel, zagueiro do Arsenal, foram denunciados pela Associação Inglesa de Futebol (FA, na sigla em inglês) depois dos incidentes da partida tensa do Campeonato Inglês entre os dois times no sábado (19), no estádio do Chelsea.

A FA declarou em seu site que Diego foi acusado de um suposto “ato de conduta violenta” depois que reprises de televisão o mostraram atingindo Laurent Koscielny, zagueiro do Arsenal, com o braço, um lance que o árbitro não notou na ocasião.

O zagueiro brasileiro Gabriel Paulista, expulso depois de discutir com Costa pouco após o incidente, foi acusado de “conduta imprópria”.

O atacante da seleção espanhola, Diego Costa tem até as 13h (hora Manaus) desta terça-feira (22) para responder às acusações. Já o zagueiro Gabriel tem até as 13h (Manaus) de quinta-feira (24) para apresentar sua defesa no caso.


Tanto o Chelsea quanto o Arsenal também foram acusados pela FA de não conseguirem controlar seus jogadores.

Os Blues venceram o confronto por 2 a 0, na partida em que os Gunners saíram de campo com nove homens, depois que Santi Cazorla também foi expulso ao receber um segundo cartão amarelo por uma falta em Cesc Fàbregas, ex-meio-campista do Arsenal.

O técnico do Arsenal, Arsène Wenger, criticou Diego depois do embate, dizendo que ele “sempre se envolve em provocações”, acusou.

Publicidade
Publicidade