Publicidade
Esportes
Craque

De volta pra 'casa': Danilo Rios é apresentado no Nacional Clube para disputa da Série D

Danilo, que volta após temporadas no Fortaleza-CE, no Remo-PA, e no Maringá-PR, disse que chega num bom momento ao clube e que “se sente em casa”, o que também pesou em seu retorno 19/05/2015 às 21:44
Show 1
Jogador foi referência no meio campo do Nacional na histórica campanha da Copa do Brasil de 2013, em que o time chegou às quartas-de-final
Felipe de Paula Manaus (AM)

O meia Danilo Rios, ex-Maringá, foi apresentado na tarde desta terça-feira (19), na Sala de Troféus do Nacional Clube, no bairro de Adrianópolis, Zona Centro-Sul de Manaus. O jogador tem contrato até o fim da Série D.

O jogador, que era a referência no meio campo do Nacional na histórica campanha da Copa do Brasil de 2013, em que o time chegou às oitavas-de-final da competição, era pedido pela torcida desde 2014.

Na cerimônia, com participação do presidente do clube, Mário Cortez, do vice, Manoel do Carmo “Maneca”, da imprensa e, claro, da torcida, uma das responsáveis pelo retorno do jogador.


Danilo, que vem após temporadas no Fortaleza-CE, no Remo-PA, e no Maringá-PR, disse que chega num bom momento ao clube e que “se sente em casa”, o que também pesou em sua vinda ao Mais Querido.

“Eu tenho bastante carinho pela torcida. O que eles fizeram por mim em 2013 eu praticamente não vi em lugar nenhum”, disse ele, que também se diz melhor física e psicologicamente após quase duas temporadas longe do clube.


“Eu passei por equipes em que pude melhorar minha forma física. A mentalidade é diferente também, a gente amadurece”,  diz ele, que também não fugiu à pergunta sobre a parte técnica.

“Não vou garantir, a gente só vai saber se eu vou estar melhor ou pior tecnicamente dentro de campo, mas onde você se sente bem, a probabilidade de jogar bem é muito maior, e aqui eu me sinto em casa”, disse ele.

Torcida agradece

O torcedor nacionalino Carlos César Moreira Alfaia, 49, foi um dos torcedores que se organizaram para literalmente cobrar a diretoria nacionalina pelo retorno do jogador e hoje pode comemorar o resultado da persistência. “A vinda dele é muito importante para a torcida do Nacional. Desde o ano passado vínhamos pressionando a diretoria, que devido a outros fatores não teve condições de contratar o jogador antes. Tivemos várias reuniões com a presidência. Valeu a insistência”, disse o torcedor, que agora está ainda mais confiante para disputa da Série D. “Tenho certeza que com a chegada dele, não só eu como toda a torcida nacionalina acredita ainda mais no acesso”.

Duas perguntas para Danilo Rios

O que o Nacional pode tirar de lição do time de 2013 para a campanha deste ano?

O Lana inclusive era treinador em boa parte dessa campanha. A gente pode tirar baos lições daquele ano. Acho que a principal é que a gente jogava de igual pra igual com qualquer equipe. Acho que agora também tem um time ainda mais encorpado.

O que mudou nesses dois anos longe do clube?

Fisicamente eu melhorei, passei por equipes que pude melhorar minha forma física. A mentalidade também é diferente, a gente amadurece. Tecnicamente, só vai saber dentro de campo se vou estar melhor ou pior. Mas onde você se sente bem, a probabilidade de jogar bem é muito melhor e aqui eu me sinto muito em casa.



Publicidade
Publicidade