Publicidade
Esportes
Craque

Deise ou Martinha, a dúvida do Iranduba para a decisão contra o Sport (PE)

No jogo de ida em Recife (PE), o Iranduba levou o segundo gol aos 44 minutos do segundo tempo. Como fez um gol fora de casa, basta vencer em Rio Preto por 1 a 0 01/03/2013 às 15:46
Show 1
Preparador físico Said Filho conversa com atletas do Iranduba Feminino
Carlos Eduardo Souza Manaus (AM)

Depois de perder o jogo de ida contra o Sport (PE), na Ilha do Retiro, em Recife, por 2 a 1, o Iranduba está quase pronto para o jogo da volta, neste domingo, no Estádio Francisco Garcia, em Rio Preto da Eva, pelas oitavas de final da Copa do Brasil de Futebol Feminino.

A única dúvida do técnico Olavo Dantas está no ataque entre as atacantes Deise e Martinha. O treinador deve definir no treino da noite desta sexta-feira, no campo do Colégio Militar, no Centro de Manaus.

No jogo em Recife, Olavo escalou Martinha no ataque. Nas demais posições, o treinador quer escalar as mesmas atletas que entraram campo na Ilha do Retiro.

“Esse é a única dúvida e devo tirar nesse treino. Não temos problemas de contusão e o time está praticamente pronto para mais um desafio”, disse Olavo.

Segundo o técnico do Iranduba, a equipe tem condições de reverte a vantagem do Sport, em Rio Preto, até porque o jogo em Recife foi equilibrado, com o Sport desempatando nos minutos finais.

“O jogo foi muito equilibrado. Tivemos chances de vencer o jogo o Sport também. Temos que aproveitas as oportunidades e vencer o jogo, até porque a vantagem é mínima.

O time viaja na manha de domingo para Rio Preto da Eva. Caso não haja imprevisto, Olavo vai escalar Nira; Neide, Lyndinara, Craque e Rege; Nayara, Maycon, Wanda e Kaká; Martinha (Deise) e Nilda.

Publicidade
Publicidade