Publicidade
Esportes
Craque

Destino e agora? Presidente da Unimed quer argentino Conca fora do Fluminense

Celso Barros confirmou que tem interesse que Conca saia do Tricolor para deixar de arcar com os vencimentos do argentino. O Flu, porém, é que comanda as negociações 06/01/2015 às 09:53
Show 1
Fluminense deseja manter Conca no clube
acritica.com Manaus

O destino de Conca ainda está indefinido. O Fluminense, que é quem comanda o processo de negociação e é quem detém parte dos direitos federativos do jogador, quer mantê-lo no clube. Mas, no que depender da Unimed – que possui aproximadamente 80% dos direitos econômicos e que banca boa parte dos vencimentos do argentino -, o atleta deve mesmo deixar time das Laranjeiras.

“É claro que sim (interessa que Conca saia do Flu). Se não pagar os vencimentos de um atleta em que não exponho mais a marca é interessante. É uma coisa óbvia”, disse Celso Barros, presidente da Unimed.

Nesta segunda-feira, dia 5, o Tricolor publicou em seu site oficial uma nota esclarecendo algumas situações sobre o rompimento da parceria com a Unimed, que aconteceu em dezembro.

Sobre esse comunicado, Celso Barros disse que não viu e por isso não poderia se manifestar.

Confira a nota do Fluminense
Fluminense Football Club esclarece que a partir do momento em que foi comunicado pela Unimed sobre as dificuldades em seguir com o patrocínio, trabalhou para que uma eventual diminuição ou término da parceria se desse de maneira organizada e saudável para ambas as partes. Neste sentido, prolongou o vencimento do prazo para rescisão sem penalidades por mais 15 dias e, em comum acordo com a Unimed, encaminhou a mudança do patrocínio para a manga em 2015. Entretanto, no dia 10 de dezembro, a empresa informou ao clube que faria a rescisão unilateral do contrato e que não aceitaria a sugestão de estampar a logomarca na manga. O Fluminense reitera que, diante da situação enfrentada, o melhor caminho seria a mudança do patrocínio para a manga.

Quanto aos boatos sobre a suposta saída do atleta Darío Conca, o Fluminense reafirma entrevista recente do vice-presidente de futebol Mário Bittencourt, na qual o dirigente disse que o jogador ainda tem dois anos de contrato com o clube e faz parte dos planos para a temporada de 2015.

Publicidade
Publicidade