Publicidade
Esportes
Craque

Dia de rock, bebê?: show dos Stones tira Fla-Flu do Maracanã e Muricy critica 'não entendo'

Treinador do Flamengo não gostou da decisão de jogar o clássico carioca para Brasília. Muricy se disse fã da banda britânica, mas disparou contra os organizadores do Cariocão: "por que não pode ter jogo e pode ter show" 19/02/2016 às 11:06
Show 1
Muricy Ramalho diz não entender Fla-Flu longe do Maracanã.
ACRITICA.COM Manaus (AM)

Roqueiro confesso e fã dos Rolling Stones, Muricy Ramalho não curtiu o fato de ter de disputar o clássico mais emblemático do futebol brasileiro longe do Maracanã. O Fla-Flu será jogado distante do estádio carioca, mais precisamente no Mané Garrincha, em Brasília, neste domingo (21), às 15h (hora Manaus), o que rendeu críticas do comandante rubro-negro, mesmo o Flamengo tendo vantagem sobre o Fluminense em partidas fora do Rio de Janeiro.

“O Maracanã é o templo do futebol, a casa dos times do Rio. Não entendo por que não pode ter jogo e pode ter show. Adoro, sou fã da banda (Rolling Stones), mas isso não entra na minha cabeça. Temos uma dificuldade enorme de conseguir campo para jogar, mas tem show”, disparou Muricy, apontando que não consegue entender a decisão.


”Acho que isso prejudica o futebol, porque os dois times estão se preparando no Rio, não precisariam viajar, é um estádio enorme e que a torcida está acostumada. Então, por mais explicações que me deem, não consigo entender”, disse o treinador.

Medir forças

Mesmo reclamando em atuar longe do Rio, Muricy viu o lado bom de jogar mais um clássico carioca. O treinador ressaltou que o jogo não será decisivo, no entanto, apontou que existe o desgaste natural das viagens.

“O lado bom é que temos que medir forças. O lado ruim é que os dois times ainda não estão 100% preparados. Mas é bom para movimentar o campeonato. Não é nada decisivo, mas é bom sentir como estão os times. O único problema será o desgaste. Estamos viajando muito e o Fluminense faz igual. Mas são dois bons times”, comentou.

Bom retrospecto do Fla longe do Rio

O Fla-Flu já foi disputado 16 vezes fora do Rio de Janeiro, em dez municípios diferentes e até no exterior. Em 1978, o estádio Riazor, em La Coruña, Na Espanha, recebeu o clássico carioca. O Rubro-Negro leva ampla vantagem sobre o Tricolor, são cinco vitórias do Fla, contra duas do Flu e nove empates.


Talvez o mais inesquecível dos clássicos para os flamenguistas seja o Fla-Flu que marcou a despedida de Zico, em 1989. O duelo ocorreu em Juiz de Fora, em Minas Gerais, e o Rubro-Negro massacrou o Fluminense por 5 a 0, com direito a show do Galinho de Quintino. 

Veja detalhes dos jogos abaixo:

Flamengo 0 x 0 Fluminense – Mané Garrincha (Brasília/DF) – 31/01/1998

Flamengo 0 x 0 Fluminense – Mané Garrincha (Brasília/DF) – 31/01/1998

Flamengo 2 x 1 Fluminense – Mané Garrincha (Brasília/DF) – 07/06/1997

Flamengo 0 x 0 Fluminense – Amigão (Campina Grande/PB) – 18/10/1995

Fluminense 1 x 2 Flamengo – Municipal (Juiz de Fora/MG) – 21/10/1990

Fluminense 0 x 5 Flamengo – Municipal (Juiz de Fora/MG) – 02/12/1989

Flamengo 0 x 0 Fluminense – Estádio Riazor (La Coruña, Espanha) – 12/08/1978

Flamengo 1 x 2 Fluminense – José Procópio (Juiz de Fora/MG) – 25/06/1977

Flamengo 0 x 0 Fluminense – Pelezão (Brasília/DF) – 27/01/1974

Flamengo 0 x 0 Fluminense – Batistão (Aracaju/SE) – 28/11/1971

Flamengo 3 x 2 Fluminense – Pedro Ludovico (Goiânia/GO) – 11/06/1966

Flamengo 1 x 1 Fluminense – Estádio da Montanha (Porto Alegre/RS) – 05/06/1949

Flamengo 5 x 0 Fluminense – Avenida da Graça (Salvador/BA) – 08/01/1949

Flamengo 2 x 5 Fluminense – Presidente Vargas (Fortaleza/CE) – 06/01/1949

Flamengo 1 x 1 Fluminense – Ilha do Retiro (Recife/PE) – 13/07/1947

Flamengo 0 x 0 Fluminense – Pacaembu (São Paulo/SP) – 12/03/1942






Publicidade
Publicidade