Craque

Diretor de futebol do Fla diz que Adriano precisa de um psiquiatra

Em entrevista a uma rádio do Rio de Janeiro, diretor de futebol tembém disse que o imperador jogou fora todas as oportunidades oferecidas

ACRÍTICA.COM
25/03/2013 às 18:51.
Atualizado em 12/03/2022 às 07:49

1.jpg

Com o retorno do nome do jogador Adriano figurando nos noticiários esportivos, o diretor de futebol o Flamengo, Paulo Pelaipe, criticou o atacante que está há mais de um ano sem jogar futebol e na última semana tentou uma vaguinha no Palmeiras.

Em entrevista a uma rádio do Rio de Janeiro, Pelaipe disse que o imperador jogou fora todas as oportunidades oferecidas.

“O Adriano primeiro precisa de um psiquiatra. Ele tem que se tratar. Não adiantar treinar de manhã e ir para a noite. Nos planos do Flamengo, ele não passa nem em sonho. Todas as oportunidades foram dadas”, afirmou o dirigente.

A última partida do jogador foi no dia 4 de março de 2012, ainda com a camisa do Corinthians. Adriano está sem clube desde a rescisão de contrato com o próprio Flamengo, em outubro do ano passado, quando ele apenas treinou e não entrou em campo por falta de condições físicas.

Assuntos
Compartilhar
Sobre o Portal A Crítica
No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.
© Copyright 2022Portal A Crítica.Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por
Distribuído por