Domingo, 18 de Agosto de 2019
Craque

Diretoria do Rio Negro dispensa três jogadores e o diretor de futebol Robson Roberto

Depois da derrota para Nacional pr 2 a 0, diretoria liberou três jogadores que vieram do Pará e sobrou até para o diretor de futebol, Robson Roberto



1.jpg Robson Roberto, novo diretor do Rio Negro
28/02/2013 às 15:38

Não bastasse a derrota por 2 a 0 para o Nacional, na abertura do Campeonato Amazonense Chevrolet 2013, o Rio Negro ainda enfrenta problemas internos.

Nesta terça-feira, o presidente do clube, Eymar Gondim desligou o diretor de futebol Robson Roberto da Silva do cargo e mandou três jogadores embora.

O atacante Ronaldo, o zagueiro Leandro e o meia Gabriel, que vieram do futebol paraense já deixaram Manaus rumo a Belém (PA).

O presidente do Rio Negro, Eymar Gondim confirmou o desligamento do diretor de futebol, mas preferiu não comentar ao assunto, dizendo apenas que houve motivos para a saída dele.

Por outro lado, Robson Roberto divulgou uma carta que teria enviado ao presidente do clube antes da demissão. Segundo Robson Roberto, ele soube da demissão ao ser contatado por jornalistas na tarde desta terça-feira.

Confira na integra a carta de Robson Roberto ao presidente do Rio Negro

 

Manaus, 18 de fevereiro de 2013.

Ao

Sr. Eymar Gondim

Presidente do Atlético Rio Negro Clube

Caro Presidente:

Venho por meio desta, informar-lhe que não existe de minha parte nenhum intenção de deixar o cargo que exerço como Diretor de Futebol do Clube.  Portanto oficialmente, não entregarei nenhuma carta pedindo desligamento.

Mas, se esse for seu interesse, cabe ao Senhor tomar tal decisão e providenciar as medidas necessárias nesse sentindo, ficando o Senhor pelos poderes estatutários à vontade para decidir na forma que lhe convier.

O que tenho lutado é por mais apoio, autonomia para o futebol, respeito, atenção e reconhecimento, onde penso que com uma conversa tudo pode ser resolvido, conforme combinado quando aceitei o desafio de colocar o Rio Negro na disputa do campeonato.

Nesta segunda, não irei ao clube, mas  independente de sua decisão, estarei presente na sala da Diretoria de Futebol, amanhã (terça-feira) para finalizar as planilhas de Prestação de Contas que não haviam sido feitas por falta de tempo, por vários motivos que o Senhor conhece bem como, por exemplo, a de tentar captar recursos para iniciarmos a competição, fato que foi efetivamente feito.

Portando, deixo o Senhor à vontade para tomar a decisão que lhe for mais conveniente, mesmo havendo por minha parte a vontade de continuar contribuindo com nosso clube, esperando que apenas sua consciência seja ouvida, sem sofrer interferência de qualquer outra pessoa que não aceita minha presença no clube, por conta de vários motivos não cabendo aqui citar, mas que também o Senhor conhece muito bem.

 Saudações Rionegrinas,

 Atenciosamente,

 Robson da Silva Roberto

Diretor de Futebol do ARNC

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.