Terça-feira, 23 de Julho de 2019
Craque

Dirigentes de quatro times amazonenses querem seletiva para a Copa Verde

A competição era dada como certa pelos clubes locais, que chegaram a contratar jogadores para o torneio. No entanto, na última segunda a seletiva foi suspensa



1.gif Cartolas dizem que, sem a seletiva, vãi acumular prejuízos
05/11/2014 às 13:16

Representantes de quatro times amazonenses se reuniram nesta terça-feira (4), no hotel Quality, para falarem sobre mais um capítulo da seletiva para a Copa Verde. A competição era dada como certa pelos clubes locais, que chegaram, inclusive, a contratar jogadores para o torneio, que deveria acontecer no mês de janeiro.

No entanto, na última segunda-feira a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) anunciou que o segundo representante do Amazonas na disputa será o Princesa do Solimões, vice-campeão do Estadual deste ano e que, por isso, a seletiva estava suspensa. A outra vaga é do Nacional, o atual campeão amazonense. A reunião de ontem, que teve a presença dos presidente do manaus FC, Luiz Mitoso, do Penarol, Patrícia Serudo, do Nacional Borbense, Mario Ivan, e do Fast Clube, Cláudio Nobre, teve como objetivo cobrar uma posição da FAF, principalmente em relação às despesas das equipes.

“Nós queremos saber quem vai pagar os nossos prejuízos. Queremos que a FAF nos mostre o documento enviado pela CBF e também que seja a nossa voz. O regulamento da seletiva estava pronto e a FAF precisa defender isso diante da Confederação”, comentou o dirigente Luiz Mitoso.

“Queremos que a Federação tome uma atitude e possa fazer algo a mais pelo futebol amazonense”, completou Mitoso.

Por conta de problemas pessoas, os representantes do São Raimundo e Iranduba não participaram da reunião.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.