Segunda-feira, 18 de Novembro de 2019
PIONEIRISMO

Equipe amazonense de tênis em cadeira de rodas disputa competição em São Paulo

Paratletas representam o Amazonas na Copa das Federações, que conta com a participação de 12 estados



Alexandre_e_James_82D6C0F3-B769-4993-B4C5-A54D5BB7B99D.jpg Foto: Sandro Pereira
01/06/2019 às 14:40

Goutier Rodrigues, Alexandre Batista e James Cardoso participam da 2ª Copa das Federações de Tênis em Cadeira de Rodas. A competição, que começou neste sábado (1°), vai até o dia 7 no Centro Paralímpico, em São Paulo, e conta com a participação de 12 estados. Esta é a segunda edição que os amazonenses, pioneiros na modalidade, competem. 

À frente da equipe amazonense, o treinador Ivanildo Wilkens, 60, desenvolve o trabalho com os atletas junto à Federação Amazonense de Tênis (FAT). Há um ano ele vem colhendo resultados como a 4ª colocação da Copa das Federações em 2018, realizada em São Caetano do Sul-SP. Para repetir o bom resultado, a preparação foi intensa.  “Fizemos um treinamento acelerado todos os sábados por cerca de uma hora com eles para essa edição. E por isso acreditamos em um resultado ainda melhor dessa vez”, explicou o técnico.  



Com vivência em diversos esportes desde os oito anos de idade, o tenista Alexandre Batista,41, viveu uma experiência nova ao disputar a competição de tênis no ano passado. “Foi uma experiência bem singular, porque é diferente de outros esportes que eu pratico, como a natação. No tênis tudo é questão de treino pra desenvolver as habilidades, e foi muito bom participar da competição”, ressaltou Alexandre, que espera estimular outras pessoas com deficiência a conhecer o tênis em cadeira de rodas.

“Para mim é um orgulho. Sempre digo isso para todo mundo e faço questão de divulgar o esporte aqui no Amazonas, além de mostrar que as outras pessoas que também são deficientes são capazes e não ficar só na zona de conforto esperando as coisas acontecerem. A gente tem que ir em busca de desafios. Então, para nós que somos deficientes, temos que estar buscando esse desafio pra ter auto-superação”, completou.

Estreante na competição, James Cardoso, 46, vem do basquete e tênis de mesa, mas se diz pronto para encarar novo desafio esportivo na vida de paratleta. “O tênis é algo dinâmico. Também tem que ter muita dedicação aos treinos. Estamos tentando fazer o possível nos treinamentos para fazer bonito nesse campeonato”, declarou.

News 48367672 1136721996505445 2342939255929569280 n 2dad860c 0057 4e2e b7f5 f53181960f2f
Repórter do Craque
Jornalista formado na Ufam, campus de Parintins. Estudante de pós-graduação em jornalismo esportivo na Universidade Estácio de Sá. Repórter do Caderno de Esporte ‘Craque’ de A Crítica desde novembro de 2018.

Mais de Acritica.com

18 Nov
bradesco_C22DD61C-FE71-4FDD-BB1B-A5B7C048EF01.JPG

TRT11 celebra acordo de R$ 1,1 milhão entre Bradesco e ex-funcionária

18/11/2019 às 11:20

A bancária ingressou com reclamação trabalhista contra o HSBC e o Bradesco em novembro de 2016, pretendendo receber o pagamento de diferenças salariais, horas extras, tempo a disposição da instituição financeira durante as viagens, além indenização pelos danos morais sofridos no ambiente de trabalho


Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.