Terça-feira, 23 de Abril de 2019
publicidade
joa.JPG
publicidade
publicidade

Paralisação

Elenco do Nacional 'cruza os braços' e cobra salários atrasados

Classificado para a fase de mata-mata da Série D, o plantel do Naça ameaça greve e não treinou nesta terça-feira (29)


30/05/2018 às 07:29

A greve dos caminhoneiros, que atinge direta e indiretamente todo o Brasil, parece ter chegado também à Vila Municipal. Nest terça-feira, o elenco do Nacional “cruzou os braços” em protesto ao atraso de pagamentos. 

Classificado para a fase de mata-mata do Brasileirão da Série D - onde enfrenta a equipe do Altos-PI, no próximo domingo (3), fora de casa -, o plantel nacionalino decidiu não participar dos dois treinamentos (manhã e tarde) programados para a terça-feira (29).

De acordo com atletas do Leão, que pediram para não se identificar, os atrasos chegam a três meses. Porém, a diretoria do Naça alega que apenas 20% dos vencimentos dos direitos de imagem do mês de março e o salário de maio estão pendentes.

“Isso não é verdade e ficamos até constrangidos de, apesar da nossa dificuldade financeira, tem gente que tenta potencializar uma crise como essa”, afirmou o presidente do clube, Roberto Peggy, afirmando que os valores da dívida são outros.

“Em resumo, se nós não tivéssemos essa pendência do direito de imagem, hoje nós estaríamos falando de um atraso de três semanas da folha inteira que venceu no dia 7 (maio)”, revelou Peggy.

publicidade
publicidade
TJD-AM nega impugnação e Manaus é mantido como campeão do returno
Bolsonaro não vê motivos para greve dos caminhoneiros, diz porta-voz do governo
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

publicidade
publicidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.