Publicidade
Esportes
Craque

Eliminado, Morgado pede desculpas e põe cargo à disposição

Técnico do Nacional não conseguiu classificar o time azulino para a próxima fase da Série D e pediu desculpas ao torcedor nacionalino 31/08/2015 às 23:25
Show 1
Paulo Morgado não coseguiu classificar o Nacional para a próxima fase
Anderson Silva Manaus (AM)

Com dois jogos sob o comando do Naça, o ex-auxiliar técnico, promovido a treinador, Paulo Morgado, não obteve resultados para que o Nacional avançasse na Série D. Pela segunda vez eliminado dentro da Arena da Amazônia numa competição Nacional – a primeira para o Remo na Copa Verde 2014 -, o Leão mais uma vez deu vexame, desta vez para o Rio Branco-AC, por 2 a 0, que humilhou e tirou as chances de classificação do representante amazonense de avançar para a segunda-fase da competição, tudo isso com direito a olé, vaias e muitos protestos por parte dos torcedores.

“Só resta pedir desculpas a torcida que não merecia um mau espetáculo desses. Uma atitude da qual sou o responsável. É mais um ano... Não fomos culpados nos últimos anos, somos culpados sim neste ano, por isso estou à disposição da diretoria. Se a diretoria quiser nos próximo dois jogos contar com outro treinador... Vai ser difícil trabalhar nos próximos 15 dias... É pedir desculpas para a torcida que não merecia esse fraco espetáculo”, disse o treinador Paulo Morgado, afirmando que o time não desempenhou um bom futebol.

“Falhou tudo. Um time que sofre um gol no primeiro minuto de jogo, e que é obrigado a ganhar não merece de forma numa vencer o jogo”, afirmou o treinador, ouvindo críticas e xingamentos dos torcedores.

Jogos restantes

Apesar da eliminação, o Nacional tem ainda dois compromissos na Série D. Contra o Vilhena-RO, no dia seis de setembro e contra o Náutico-RR, no dia 13.

Publicidade
Publicidade