Publicidade
Esportes
Craque

Em casa, Cruzeiro quebra série negativa e vence Flu

Mais líder que nunca, a raposa soma 62 pontos até o momento no campeonato brasileiro 16/10/2013 às 21:03
Show 1
Raposa é mais líder do que nunca no Brasileirão 2013
acritica.com Manaus (AM)

O líder do campeonato, Cruzeiro, recebeu o Fluminense em Belo Horizonte, no Mineirão, precisando de uma vitória após sofrer duas derrotas consecutivas. E o Cruzeiro não decepcionou sua torcida venceu por 1x0 no jogo que abriu a 29º rodada do Brasileirão 2013 nesta quarta-feira (16).

A vitória da raposa deu 13 pontos de vantagem sobre o segundo colocado Botafogo que soma 49 pontos. Mesmo que matematicamente não possa ser declarado campeão, talvez somente um desastre possa tirar o título do Cruzeiro no campeonato.

O Fluminense continua com um sequência irregular no Brasileirão, somando 35 pontos até o momento. O time comandado por Wanderley Luxemburgo caiu uma posição e foi para 14º, a duas colocações do temido Z4. Além disso, Rafael Sobis e Felipe foram expulsos. O primeiro por falta violenta em Dagoberto no meio de campo e o segundo por reclamação após o término da partida.

O jogo

O Fluminense demonstrou dificuldade em lidar com o ataque dos donos da casa desde o início da partida e acabou por tomar o único gol da partida ainda no primeiro tempo.

O gol foi marcado pelo oportunista Borges aos 17 minutos após receber passe de Ricardo Goulart. O Atacante mesmo caído conseguiu mandar a bola no canto do gol de Klever. Cruzeiro 1x0 Fluminense.

Cruzeiro

Fábio (Goleiro), Ceará (Lateral direito), Leo (Zagueiro), Bruno Rodrigo (Zagueiro), Egídio (Lateral esquerdo), Nilton (Volante), Lucas Silva (Volante), Éverton Ribeiro (Meio campo), Ricardo Goulart (Meio campo), Willian (Atacante) e Borges (Atacante).

Técnico: Marcelo Oliveira

Fluminense 

Klever (Goleiro), Bruno (Lateral direito), Gum (Zagueiro), Anderson (Zagueiro), Edinho (Volante), Rafinha (Volante), Jean (volante), Fábio (volante), Wagner (Meio campo), Rafael Sóbis (Atacante) e Rhaynner (Atacante).

Técnico: Wanderlei Luxemburgo

Trio de arbitragem

Paulo Henrique Godoy Bezerra (árbitro), Fabrício Vilarino da Silva (auxiliar) e Nadide Schramm Camara (auxiliar)


Publicidade
Publicidade