Sexta-feira, 19 de Abril de 2019
publicidade
2aedc191-3583-453a-82a0-b9877faa32e4.jpg
publicidade
publicidade

MAIS GOLS

Em duelo de líder e lanterna, Nacional goleia São Raimundo na Colina

O resultado de 4 a 1 mantém o Leão da Vila na liderança e o Tufão na última posição da tabela.


04/04/2017 às 23:51

No duelo dos extremos da tabela, o líder Nacional aproveitou o duelo contra o lanterna São Raimundo para continuar na ponta da tabela. O Leao goleou  por 4 a 1 na noite desta terça-feira (04), com gols de Victor, Lucas Bueno, Alan Bahia e Vagner. Marquinhos descontou para o Tufão.

Com o resultado o Tufão segue sem pontuar no campeonato, mas pela primeira vez conseguiu balançar as redes no campeonato. "O primeiro gol mostra que nosso time está em evolução, esse gol vai dar uma encorpada a mais no time e, com certeza, vão sair muitos gols e o São Raimundo chegar para brigar", analisou o autor do gol do time, Marquinhos, que garantiu: "nosso time não vai cair".

No topo da tabela, o Nacional voltou a vencer após um empate e uma derrota. Agora o time tem cinco pontos de vantagem na ponta, mas com duas partidas a mais. "É muito importante. Sabemos que vencer nos deixa na liderança então vamos buscar sempre a vitória", analisou Alan Bahia, capitão do Nacional. Experiente, o jogador ainda chamou a atenção sobre a quantidade de chances desperdiçadas pela equipe. "A lição é que o time jogou bem, criamos inúmeras oportunidades, mas no futebol não pode perder tantos gols assim", finalizou.


O jogo

O favorismo do Nacional não teve tempo de ser questionado na partida. Logo aos 2 minutos, o Leão da Vila já abriu o placar em jogada de escanteio, quando Victor subiu mais alto que a zaga adversária e testou para o fundo do gol.

O lance obrigou o São Raimundo a se expor e o Nacional passou a ter muitos espaços para tentar ampliar o placar. Paulo Roberto e Alexsandro perderam chances claras diante do gol do Tufão e deixaram o placar com a diferença mínima.

O São Raimundo chegava ao gol do adversário somente em bolas paradas, mas não chegou a exigir nenhuma defesa do goleiro Marcelo Valderde, do Nacional.

Após um fim de primeiro tempo sem grandes emoções, o Tufão da Colina voltou a campo buscando a igualdade no placar. O time chegou a dominar os primeiros 10 minutos, mas não conseguia finalizar com perigo.


O castigo veio aos 11, quando Lucas Bueno ampliou o placar para o Nacional. Jack Chan cruzou, a zaga do São Raimundo não conseguiu cortar e o atacante, que havia acabado de entrar, completou para o fundo das redes.

O gol esfriou os ânimos do Tufão, que se desorganizou em campo e viu o adversário chegar cada vez com mais facilidade a sua área. Com marcação totalmente perdida, o Nacional se deu ao luxo de perder dois gols cara a cara com o goleiro Joiran, primeiro com Jack Chan e em seguida com Paulo Roberto.

Aos 23, Alan Bahia não desperdiçou a chance que teve. Em contra-ataque rápido, o Nacional chegou a área do São Raimundo com mais jogadores e o volante veterano não teve trabalho em tirar o goleiro do lance e completar para o gol.

Sem sinal de reação do tricampeão do Norte, o Naça ampliou o placar aos 34 minutos com gol do zagueiro Vagner, após cruzamento de Lucas Bueno e fez 4 a 0.

Nos acréscimos, Marquinhos descontou para o São Raimundo em chute de longe e fez a festa da torcida bucheira, mas não evitou a derrota do time.

publicidade
publicidade
Homem com tornozeleira eletrônica é morto a tiros por dupla no São Raimundo
Justiça Desportiva do Amazonas suspende final entre Fast Clube e Manaus
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

publicidade
publicidade

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.