Publicidade
Esportes
Craque

Em grande festa, amistoso de José Aldo e Delmo arrasta multidão para a Arena da Amazônia

Amistoso beneficente terminou com vitória por 2 a 1 dos Amigos do ídolo do Tufão da Colina. Campeões mundiais e famosos atuaram na equipe do lutador, enquanto as estrelas do São Raimundo de outrora brilharam ao lado do ex-jogador 01/03/2015 às 12:18
Show 1
Amistoso entre Amigos do Delmo e Amigos do José Aldo agitou a Arena neste sábado (28).
Denir Simplício Manaus (AM)

CONFIRA GALERIA DE IMAGENS

Quem foi à Arena da Amazônia na tarde deste sábado (28) participou de uma festa inesquecível. A partida entre “Amigos do José Aldo” contra "Amigos do Delmo” celebrou a despedida oficial de um dos maiores ídolos da história do futebol local. Além de dar aos fãs de MMA a oportunidade de ver de perto um dos maiores lutados do UFC de todos os tempo atuando fora dos octógonos.

Mais de 22 mil pessoas, que lotaram o anel inferior da Arena, vibraram com cada lance dos astros no gramado. No elenco dos Amigos do José Aldo estavam os tetracampeões Zinho, Bebeto e Aldair, além de outras feras como Macula, Lira e Leandro Ávila. A dupla de ex-volantes amazonenses Sérgio Duarte e Lima também vestiu o uniforme vermelho e branco dos amigos do lutador, que homenageava o América, do seu Amadeu Teixeira.

Pelo lado dos Amigos do Delmo uma verdadeira constelação de astros do São Raimundo dos bons tempos. Sob o comando da dupla de treinadores Carlos Prata e Aderbal Lana estavam reginaldo, Zé Rebite, Neto, Alberto, Sidney, Marinho Macapá e Luíca, entre tantos outros. Atletas que troouxeram tantas alegrias a torcida do Tufão da Colina desfilaram mais uma vez o futebol que encantou o Amazonas no final dos anos 1990 e início dos anos 2000.


Claro que quando José Aldo e Delmo tocavam na bola a ovação da galera era de ensurdecer os ouvidos. Mas o ator José Loreto também arrancou suspiros do público feminino que compareceu em ótimo número ao estádio.

O jogo

O jogo amistoso teve várias alterações, como já era previsto por ser uma partida festiva. Mas os Amigos do Delmo começaram a partida com: Weber; Guará, Gilmar, Nelson e Pezão; Márcio Parintins, Caco, Neto e Alberto, Garanha e Delmo. O Amigos do José Aldo iniciou o amistoso com: Amil; Aldair, Veron, Júnior e Lira; Fernando, Leandro Ávila, Zulu e Marcelo; pedro e Bebeto.

Delmo e Cia. tiveram a primeira chance no início do jogo com Garanha. José Aldo atuando na marcação correu muito durante o jogo e foi premiado por seu esforço dentro de campo. Em cobrança de penalidade máxima, o lutador de MMA se tornou o primeiro atleta amazonense a marcar um gol na Arena da Amazônia. Delmo sentiu a antiga lesão na coxa e deixou o campo ainda no primeiro tempo.


O jogador, que é o maior artilheiro da história do Campeonato Amazonense, foi aplaudido pelos torcedores e abraçado pelos ex-companheiros de São Raimundo. Mas o “matador” voltou ao gramado a pedido dos jogadores para empatar a partida. O “Mito” (como é chamado pelos torcedores do Tufão) retornou para converter o pênalti que igualou o placar e voltou para o banco de reservas.

Na etapa final aconteceram muitas mudanças em ambas as equipes e um dos substitutos deu números finais no placar ao marcar o gol da vitória dos Amigos do Delmo. Zé Eduardo recebeu bom passe na intermediária, invadiu a área e fuzilou para o gol. Sidney e Bebeto ainda desperdiçaram uma penalidade para cada lado antes do final da partida.

Independente de quem venceu o duelo em campo, quem saiu agraciado com o espetáculo foram os torcedores que tiveram a chance de rever grandes ídolos do passado, assim como tietar astros do presente. As doações arrecadadas para a partida serão doadas aos desabrigados da enchente no Amazonas.


Ao final do jogo os dois astros do espetáculo falaram sobre o evento. “Estou muito feliz em rever o amigos de São Raimundo e, principalmente, em ver a Arena lotada. Foi perfeito e estou muito orgulhoso que tudo tenha dado certo”, comentou Delmo.

Zé Aldo, que foi praticamente carregado pelos fãs na zona mista da Arena, também disse que gostou muito do evento e que pode repetir a dose brevemente. “Foi muito bonito. O carinho das pessoas foi fantástico. Quem sabe não fazemos um outro evento mais pra frente. Seria muito bom”, finalizou.

Publicidade
Publicidade