Segunda-feira, 16 de Dezembro de 2019
Craque

Em Londres, Adriana vence marroquina e garante 100ª medalha ao Brasil

A pugilista se torna a segunda medalhista do país na história nesta modalidade, ajudando o Brasil a alcançar a medalha de número 100, há 44 anos



1.jpg Adriana Araujo golpeia adversária e vai à final
06/08/2012 às 20:09

A pugilista brasileira Adriana Araújo,30, encarou e venceu a marroquina Mahjouba Oubtil, por 16 a 12, nas quartas de final da categoria peso leve (até 60 kg) do boxe feminino, nesta segunda-feira (6), em Londres. Adriana fica a uma vitória de garantir medalha para o Brasil, no mínimo de bronze, na semifinal.

A pugilista se torna a segunda medalhista do país na história nesta modalidade, ajudando o Brasil a alcançar a medalha de número 100, há 44 anos, desde o ouro de Guilherme Paraense nos Jogos de 1920 em Antuérpia, na Bélgica.



Derrotas

As outras duas competidoras brasileiras não tiveram a mesma sorte de Adriana. Roseli Feitosa foi derrotada, no sábado, por 19 a 14, pela chinesa Jinzi Li, em luta válida pelas oitavas de final da categoria peso médio (até 75 kg). Era a estreia dela.

Neste domingo (5), a também estreante Érica Matos foi eliminada pela venezuelana Karlha Magliocco, ao perder por 15 a 14, pelas oitavas da peso mosca (até 51 kg). Diferente do boxe masculino, no feminino a luta tem quatro rounds de dois minutos cada.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.