Publicidade
Esportes
GRUPO C

Em retorno de Peru à Copa do Mundo, Dinamarca vence por 1 a 0

Seleção peruana, que contou com o jogador Paolo Guerrero, do Flamengo, na segunda etapa, não conseguiu fazer a reestreia dos sonhos. 16/06/2018 às 14:08 - Atualizado em 16/06/2018 às 14:12
Show 000 16291n
Paolo Guerrero entrou no segundo tempo, mas não conseguiu evitar a derrota do Peru. (JUAN BARRETO / AFP)
Valter Cardoso Manaus (AM)

Após 36 anos, o Peru voltou a disputar a Copa do Mundo neste sábado (16), e teve um adversário difícil pela frente. Em confronto contra a Dinamarca, os sul-americanos saíram de campo derrotados por 1 a 0, diante de uma invasão de torcedores peruanos que viajaram até a Rússia. 

A partida foi equilibrada desde o primeiro minuto. A seleção dinamarquesa entrou em campo com uma proposta mais cadenciada, buscando manter a posse de bola a espera de espaços na defesa peruana. Do outro lado, no entanto, o Peru apostava na velocidade de seus atacantes e chegava a criar chances mais perigosas. Nos momentos finais da primeira etapa, Cueva ainda desperdiçou cobrança de pênalti para a equipe sul-americana.

No segundo tempo, as duas seleções adotaram posturas mais ofensivas, em busca do resultado. Aos 13 minutos, a Dinamarca se aproveitou da velocidade característica do adversário para abrir o placar. Eriksen avançou e achou Poulsen livre, que bateu com categoria para marcar o gol que definiria o placar. O técnico do Peru, Ricardo Gareca, ainda colocou o atacante Paolo Guerrero para pressionar os dinamarqueses em busca do empate, mas o resultado permaneceu o mesmo até o fim da partida. 

A partida era considerada um confronto direto entre as equipes que buscam a vaga na próxima fase da Copa do Mundo. A Dinamarca ocupa agora a segunda posição do Grupo C, abaixo apenas da França, que também tem 3 pontos. 

Publicidade
Publicidade