Publicidade
Esportes
DECISÃO

Entrada para final do Amazonense de Futebol Americano será um quilo de alimento

A final acontece entre o North Lions e Tarumã Broncos na próxima terça-feira (19), na Arena da Amazônia, a partir das 20h. Tudo o que for arrecadado será doado a uma instituição 12/12/2017 às 10:44
Show jogo
As equipes fazem uma preparação forte para o jogo, que já se tornou um clássico do futebol americano (Foto: Mauro Neto/Sejel)
acritica.com* Manaus (AM)

Na próxima terça-feira (19), North Lions e Tarumã Broncos disputarão o título de campeão do Amazonas Bowl na grande final do Campeonato Amazonense de Futebol Americano, na Arena da Amazônia, Zona Centro-Sul de Manaus, a partir das 20h.

A entrada para assistir a decisão será um quilo de alimento não perecível, tudo o que for arrecadado será doado a uma instituição da capital.

A disputa pelo título amazonense promete ser acirrada, uma vez que as duas equipes têm se destacado muito e vem crescendo tecnicamente. O Tarumã Broncos venceu no último dia 3 o campeonato regional. Já o North Lions é o atual campeão Amazonense. O troféu de 2016 foi conquistado justamente em cima do adversário desta terça-feira.

As equipes fazem uma preparação forte para o jogo, que já se tornou um clássico do futebol americano local. Segundo o presidente do North Lions, Lucas Alencar, para conquistar o bicampeonato é preciso ter foco. “O futebol americano é cheio de detalhes e são eles que fazem vencer uma partida. Teremos que ter foco e errar o mínimo possível”, declarou.

Para o presidente do Tarumã Broncos, Wellington Gonçalves (Well), a intenção da equipe é colocar em prática tudo o que foi treinado, sempre respeitando o adversário. “Nós estamos subindo degrau a degrau, temos que ter humildade e respeitar nosso adversário. Vamos fazer de tudo para colocar em prática o que treinamos e cumprir nosso objetivo da temporada”, pontuou.

Final na Arena da Amazônia

 O Presidente da FEFAAM, Anchieta Montefusco, lembra que este é o segundo ano consecutivo que a final acontece na Arena da Amazônia. “É o nosso segundo ano na Arena, então aproveitamos a oportunidade de unir o esporte e gerar também o amor ao próximo. Esperamos retribuir com essa contra partida, através dessa doação de alimentos, o que o esporte nos proporciona”, afirmou.

*Com informações de assessoria de imprensa

Publicidade
Publicidade