Sábado, 14 de Dezembro de 2019
DELEGAÇÃO AMAZONENSE

Estudantes do AM representam Estado em abertura das Paralimpíadas Escolares

Competições iniciam nesta quarta-feira (20) e seguem até a próxima sexta-feira (22), no Centro de Treinamento Paralímpico, na cidade de São Paulo. O AM terá representantes competindo no atletismo, bocha, badminton, natação e tênis de mesa



44635f59-59db-4f44-af4c-f145de785872_463BE11D-5839-41E3-9426-1D5B863B1346.jpg Foto: Johnny Lima
19/11/2019 às 22:48

Foi das mãos da jovem Geonava Campos de Souza, 14, que a delegação amazonense foi orgulhosamente representada na solenidade de abertura das Paralimpíadas Escolares, que iniciam as competições nesta quarta-feira (20) e seguem até a próxima sexta (22), no Centro de Treinamento Paralímpico, na cidade de São Paulo. 

Geovana foi a porta-bandeira do Amazonas e além dela, outra paratleta baré ganhou destaque na solenidade, ocorrida na noite desta terça-feira: a campeã parapan-americana do badminton Mikaela Almeida, medalhista de ouro em Lima, no Peru neste ano.  Mika aceitou o convite do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) e leu o Juramento Oficial dos Paratletas.



“Eu estava muito nervosa, por causa da grande responsabilidade de ler o juramento para milhares de paratletas, fiquei emocionada no final”, declarou Mika, que recebeu o convite, feito pelo CPB por conta da medalha de ouro conquistada no Parapan. 

Nas Paralimpíadas Escolares deste ano, o Amazonas terá representantes competindo no atletismo, bocha, badminton, natação e tênis de mesa.

A solenidade de abertura aconteceu no salão eventos do hotel Holiday Inn, em São Paulo, e contou com jovens paratletas de todos os Estados, numa competição considerada o maior evento mundial para crianças e adolescentes com deficiência em idade escolar. 

Geovana é a quinta colocada no ranking brasileiro dos 100m, classe T35 e, muito sorridente, conduziu a bandeira do Amazonas.


Foto: Johnny Lima

Além de Mika e Geovana, a delegação amazonense está recheada de feras no paradesporto e que vão em busca de ultrapassar a marca de 43 medalhas conquistadas ano passado, como os três ouros conquistados por Richard Hyller Santos de Oliveira, 14, nas provas de 150m, 60m e salto em distância; Kael de Souza Modesto, 15, com dois ouros no tênis de mesa (individual e em dupla), entre outros.

Neste ano, conforme o chefe da delegação amazonense, professor Joaquim Filho, há 11 jovens estreantes na competição escolar e com potencial de retornar a Manaus com medalhas.  “Acredito que o Samuel é ima boa aposta e com certeza deve firmar o nome dele nas Paralimpíadas Escolares. O Kevin com certeza vai fazer a diferença, bem como o Rudney”, enumerou Filho. 

Paratletas amazonenses

Camille Vitória da Silva Almeida, 17, - bocha
Moisés da Silva Viana, 15, - bocha
Rômulo Silva dos Santos, 15, - bocha
Adriano Moura, 13,  - paratletismo
João Lucas dos Santos Campos, 14, - paratletismo
Kael de Souza Modesto, 15, - tênis de mesa
Richar Hyller Santos de Oliveira, 14, - paratletismo
Marcos Antônio de Oliveira Saraiva, 14, - paratletismo
Mário César Lopes Santos, 17, - paratletismo
Mônica Soares de Souza, 15, - paratletismo
Yasmim da Silva Oliveira, 17, - parabadminton
Mikaela da Costa Almeida, 16, - parabadminton
Raul de Souza Silva, 14, - natação 
Rudney da Costa Ferreira, 17, - paratletismo
Geovana Campos Souza, 14, - paratletismo
Wesley Emerson Carvalho de Oliveira, 13, - paratletismo
Kevin Kildery da Silva Cooper, 14, - paratletismo
Adriano Moura da Silva, 13, - paratletismo
Victor Darony da Silva e Silva, 16, - paratletismo
Samuel Miranda Martins, 13, - paratletismo
Pablo Kauan Nogueira Ramos, 15, - paratletismo

Joaquim Filho – chefe de delegação
Ralcilandia Carvalho de Oliveira –  assistente de chefe de delegação
Lúcia Maria Silva – treinador de bocha
Cláudio Viana – apoio
Clenilda Carvalho – staff
Graca Abrahim – treinador de atletismo
Helida Gadelha – treinador de tênis de mesa
Gecilda Almeida dos Santos – apoio
Silvandro Vilaça Martins – atleta-guia
Edivaldo Martins da Silva – apoio
Disley D’Angelo da Silva – treinador
Antônia Patrícia Medeiros Cunha – treinador do parabadminton
Jacilene Ferreira – apoio
José Ramos – treinador de natação
Tatiane Souza – staff
Emilene Cascaes – staff
Silvia América – staff
Antonio Eduardop Ditzel – médico

Texto: Johnny Lima

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.