Publicidade
Esportes
Inimiga íntima

Ex-colega das ‘Guerreiras do Hulk’ tenta eliminar Iranduba da Copa BR

Dany Helena, do Cresspom-DF, jogou com a maioria das atletas do Iranduba no extinto Kindermann-SC e conhece bem a equipe amazonense que entra em campo nesta sexta-feira (16) na luta por uma vaga na sequência do torneio 15/09/2016 às 18:15 - Atualizado em 16/09/2016 às 13:08
Show he
Em campo com a camisa do Kindermann-SC, Dany Helena foi a autora do gol da vitória sobre o Iranduba no jogo de ida da Copa do Brasil (Foto: Arquivo pessoal)
Denir Simplício Manaus (AM)

Na noite desta sexta-feira (20), às 20h, as "Guerreiras do Hulk" têm encontro marcado com a forte equipe do Cresspom-DF, no estádio da Colina, na Zona Oeste de Manaus, com a missão de vencer para continuarem vivas na Copa do Brasil de Futebol Feminino. No jogo de ida o Iranduba perdeu por 1 a 0 com gol marcado por uma jogadora bastante conhecida do elenco irandubense. A meia-atacante Dany Helena, que atuou em 2014 pelo extinto Kindermann-SC - mesmo plantel que acabou migrando para o Iranduba -, foi responsável pelo revés do representante amazonense no primeiro confronto que vale vaga na próxima fase do torneio.

A jogadora de 23 anos foi artilheira do último Campeonato Brasiliense e irá reencontrar as ex-colegas no jogo decisivo desta sexta. Dany Helena confirmou que conhece boa parte das jogadoras do Iranduba e tem alertado sua equipe para o perigoso time amazonense.

"Conheço Sâmia, Djeni, Sinara, Gisele, Elisa, Nathane, Karen e outras.. As informações que passo são as que qualquer outra atleta que acompanha o futebol feminino passaria. O Iranduba é uma equipe muito qualificada, com um meio de campo muito forte  e um ataque rápido", disse a atleta que com a camisa do Kindermann-SC conquistou o Catarinense e foi vice-campeã do Brasileirão Caixa de 2014.

Missão: classificação

Jogadora habilidosa, Dany Helena procura seu espaço no difícil futebol feminino e espera avançar na Copa do Brasil. Para isso, tem missão difícil de eliminar o Iranduba dentro de seus domínios. Jogando pelo empate para passar de fase na competição, a brasiliense respeita as Guerreiras do Hulk, mas tem seus objetivos traçados na competição.

"Aqui em Brasília o futebol feminino está crescendo e essa é a hora da gente deixar nossa contribuição. O Cresspom é uma equipe que está a anos representando Brasília e espero que a gente tenha a oportunidade de seguir na competição. Todas nós sabemos da qualidade do time do Iranduba, mas vamos pra Manaus com o objetivo de classificar pra próxima fase da Copa do Brasil", concluiu a atleta que desembarca com o elenco do Cresspom na capital no fim da noite desta quinta-feira (15).

Publicidade
Publicidade