Segunda-feira, 14 de Junho de 2021
Finais do Barezão

FAF divulga data, local e horário das partidas finais do Barezão 2021 

Com transmissão ao vivo da TV A Crítica, Manaus e São Raimundo disputarão a taça de campeão estadual nos próximos dia 15 e 22 de maio, na Arena da Amazônia



WhatsApp_Image_2021-05-10_at_18.36.31_39DCD502-3689-4448-8E8B-A5B06522CA65.jpeg Foto: Arlesson Sicsú
10/05/2021 às 19:01

A Federação Amazonense de Futebol (FAF) divulgou nesta segunda-feira (10), as datas, o local e os horários das finais do Barezão 2021, que será protagonizado pelas equipes de Manaus FC e São Raimundo. A entidade também informou que subsidiará os custos de competição referentes a arbitragem, ambulâncias, gandulas, maqueiros e logística da PM, ficando sob responsabilidades dos clubes os custos de quadro móvel da Arena da Amazônia.

A primeira partida da decisão acontecerá no próximo sábado (15), às 16h05, na Arena da Amazônia e a grande decisão do Barezão 2021 será no dia 22 de maio (sábado), às 16h05, também no estádio que protagonizou os jogos no Amazonas da Copa do Mundo de 2014. Assim como nas fases subsequentes, a equipe com a melhor colocação na primeira fase do Estadual terá a vantagem de jogar por dois resultados iguais, neste caso, sendo essa vantagem do Manaus, que chega pela quinta vez consecutiva em uma final de Amazonense. 



Ambos os jogos terão transmissão ao vivo da TV A Crítica que, pela primeira vez na história, contará com uma final protagonizada entre Manaus e São Raimundo. O Tufão da Colina não joga uma final de Barezão desde o ano de 2006, quando na época, sob a batuta do técnico Carlos Prata, levantou a taça de forma invicta e ainda figurava no Campeonato Brasileiro - Série B. 

Campanhas

Para chegar na decisão, o Manaus terminou a primeira fase como líder, conquistando seis vitórias, um empate e uma derrota. Nas quartas de final, a equipe do técnico Luizinho Lopes passou sem sustos pelo JC de Itacoatiara e voltou a ‘passear’ no agregado nos dois triunfos contra o Nacional, nas semifinais. No confronto direto contra o adversário da final, ainda na sexta rodada da fase de pontos corridos, o Manaus venceu o São Raimundo pelo placar de 2 a 1.

Já o Tufão da Colina viveu um verdadeiro ‘conto de fadas’ na fase de mata-mata, pois ainda na primeira fase, a equipe do técnico Sérgio Duarte ficou à frente apenas de JC e Iranduba na tabela de classificação, conquistando duas vitórias, quatro empates e sofrendo duas derrotas. 

Nas quartas de final, o clube alviceleste saiu atrás no jogo de ida contra o Amazonas, mas reverteu o prejuízo na volta e classificou-se. Nas semifinais, o Tufão voltou a ‘chocar’ o estado ao tirar a invencibilidade do Princesa de Aderbal Lana, com uma sonora goleada por 5 a 2 na partida de ida. O resultado foi tão expressivo que a derrota por 3 a 2 na volta, em Manacapuru, não foi o suficiente para tirar o São Raimundo da decisão.

Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.