Publicidade
Esportes
BAREZÃO

Fast e Penarol disputam título do 1º turno do Barezão 2019 neste sábado (9)

Em reedição da decisão do 1º turno do ano passado, clubes jogam a final de olho em 2020, já que a vitória garante vaga em competições nacionais da próxima temporada 08/03/2019 às 21:13 - Atualizado em 09/03/2019 às 09:47
Show zcr0323 101 p01  2  3e100f86 e1bc 4a2d 8961 46e2b67da310
Foto: Divulgação
Gabriel Ferreira Manaus/AM

Reeditando a final do 1º turno do Barezão de 2018, Fast Clube e Penarol disputam o título do turno do Estadual de 2019, na tarde deste sábado (9), às 15h, no estádio Ismael Benigno, a Colina, de olho no ano de 2020.

Isso porque a conquista do turno garantirá ao vencedor um calendário de competições cheio na próxima temporada, com as disputa na Copa do Brasil e do Campeonato Brasileiro da Série  D. 

Após terminar a primeira fase como líder, o Rolo Compressor leva vantagem do empate na decisão de hoje. Na semifinal, diante do Nacional na última quarta-feira (6), o Tricolor de Aço empatou a partida em 1 a 1 e avançou à final.

Apesar do regulamento favorecer a equipe do Fast, o técnico Vladimir de Jesus afirmou que a proposta para o duelo contra o Penarol será de buscar a vitória. “Nós sempre jogamos pra vencer. Não existe essa história de regulamento. Se no decorrer da partida o resultado nos favorecer tudo bem, mas entraremos pra vencer”, disse.

Trabalhando pela primeira vez no futebol amazonense, Vladimir de Jesus também destacou a importância de ter um bom elenco e pregou respeito ao adversário. “Fico muito feliz porque sei que podemos fazer mais do que já apresentamos. O grupo é muito bom, tem excelentes atletas e homens de caráter que estão todos muito focados em dar o seu melhor. Temos que respeitar muito o nosso adversário, buscar fazer um grande jogo. Final só vale quando se conquista e os dois times são merecedores de estar disputando”, declarou.

Leão da Velha serpa

Remanescente da equipe que disputou o Campeonato Amazonense em 2018, o atacante do Penarol Branco disse que está confiante para o duelo contra o Fast Clube. “Se tratando de uma final, independente de campo, o nosso time está preparado. Nós fizemos bons jogos em Manaus, nossa equipe está bem postada, então esperamos fazer um bom jogo e sair com resultado positivo pra ser campeão do turno, com todo respeito ao time do Fast”, declarou o jogador.

O atacante do Leão de Itacoatiara comparou o desempenho do time com o do ano passado, onde acabou derrotado na final do 1º turno nas cobranças de penalidades máximas. “Ano passado fizemos grande campanha, mas esse ano esperamos fazer melhor e também esperamos conseguir conquistar o título dessa final”, concluiu Branco.

Calendário pra 2020

O Penarol almeja conquistar um título do turno amazonense para retornar as competições nacionais após sete anos. Na Copa do Brasil, o time de Itacoatiara teve como última participação em 2012 quando chegou a segunda fase. Na série D do Brasileiro, o Leão da Velha Serpa participou pela última vez também em 2012,  mas não avançou da fase de grupos.

Com a disputa da Série D deste ano em vista, o Rolo Compressor quer se garantir na competição por mais um ano caso não consiga o acesso à Série C na próxima temporada. A vaga na Copa do Brasil também é uma das metas do Fast, pois na edição desse ano acabou eliminado de forma precoce no jogo da primeira fase quando foi goleado pelo Oeste-SP por 6 a 1.

Os times amazonenses também podem ser beneficiados na Copa do Brasil com o valor de 450 mil reais por partida. Caso avancem de fase, a quantia aumenta.

Publicidade
Publicidade