Publicidade
Esportes
Clima tenso

Fast e Tufão de olho no clássico da rivalidade nesta quarta (28)

Tricolor entra em campo tentando a liderança isolada do Barezão Centenário, enquanto o São Raimundo quer se segurar entre os quatro melhores times da competição. 28/09/2016 às 08:50
Show th
Suspenso, Thiago Brandão não encara o clube onde foi revelado para o futebol profissional, mas alerta para o ataque do Mundico (Foto: Antônio Lima)
Denir Simplício Manaus (AM)

Conhecida e temida rivalidade entre torcidas organizadas apimenta o clássico entre Fast Clube e São Raimundo nesta quarta-feira (28), na Arena da Amazônia, na Zona Centro-Oeste da capital. Com 9 pontos no torneio, o Tufão tenta se segurar no G-4, enquanto o Tricolor quer a todo custo retomar a liderança isolada do Barezão.

Suspenso do clássico pelo terceiro cartão amarelo, o zagueiro Thiago Brandão conhece muito bem essa rivalidade que só tem aumentado nos últimos anos. Surgido no futebol profissional com a camisa do Tufão da Colina, Brandão espera que o duelo se limite às quatro linhas.

“Será um jogo bem disputado e a rivalidade de sempre. Espero que essa rivalidade fique apenas no campo. Porque no último jogo teve a maior confusão entre as torcidas”, comentou o defensor lembrando de mais um confronto entre as duas torcidas. 

Brandão afirmou não saber quem será seu substituto contra o Mundico, mas alertou para o atacante Americano, artilheiro do campeonato. ”Tem o Guigui, o Vítor e o Luiz, que podem entrar. Seja lá quem for tem de ficar esperto com o atacante deles, que é artilheiro do campeonato, disse.

Publicidade
Publicidade