Publicidade
Esportes
Craque

Fechado! Ricardo Goulart deixa o Cruzeiro e acerta com time chinês

O meia fechou contrato de quatro temporadas com o Guangzhou Evergrande, equipe treinada pelo italiano Fabio Canavarro. Os chineses desembolsaram cerca de R$ 48 milhões para ter o jogador que deve se apresentar no dia 20 de janeiro a nova equipe 13/01/2015 às 09:44
Show 1
Ricardo Goulart foi anunciado no site oficial do clube chinês e vai usar a camisa 11 no time comandado pelo italiano Fabio Canavarro.
ACRITICA.COM Manaus (AM)

Mais um campeão brasileiro deixa o Cruzeiro. Dessa vez foi o meia Ricardo Goulart que assinou contrato com o chinês Guangzhou Evergrande, no início desta terça-feira (13). O jogador, inclusive, já foi anunciado oficialmente no site do time asiático que pagou R$ 15 milhões de euros (cerca de R$ 48 milhões) pelo atleta que foi destaque da Raposa na campanha do bicampeonato brasileiro de 2014. O camisa 28 do Zêro é o oitavo jogador a deixar o clube após a conquista nacional.

Goulart vestirá a camisa 11 na nova equipe que tem como treinador o italiano Fabio Canavarro. O jogador se juntará aos brasileiros Elkeson, ex-Botafogo, e Rene Junior, ex-Santos, além do italiano Gilardino. O meia deverá passar por exames médicos no próximo dia 20 de janeiro e, na sequência, se encontrará com o restante do elenco, que faz pré-temporada na Espanha.


A ótima campanha de Ricardo Goulart com a camisa do Cruzeiro arregalaram os olhos dos chineses. O meia em dois anos na Toca da Raposa marcou 34 gols e deu 12 assistências. No ano passado, o camisa 28 do time mineiro foi eleito Bola de Ouro como o melhor jogador do Campeonato Brasileiro. A boa sequência no campeonato o levaram para a Seleção Brasileira, o técnico Dunga convocou o jogador que participou de amistosos com a amarelinha.

O veloz meia-atacante foi o oitavo atleta da Raposa, que fez parte do elenco que conquistou o Campeonato Brasileiro de 2014, a deixar o Cruzeiro. Antes dele, já haviam saído os laterais Egídio e Samudio, o volante Nilton, os meias Élber e Marlone, além dos atacantes Borges e Marcelo Moreno.


Publicidade
Publicidade