Publicidade
Esportes
Craque

'Festinha' de CR7 depois de derrota humilhante causa mal-estar no Real Madrid

A diretoria do clube merengue não digeriu bem a festa de aniversário de 30 anos do craque português Cristiano Ronaldo. Torcedores e dirigentes ficaram enfurecidos ao saber do evento poucas horas depois da derrota no clássico madrilenho 09/02/2015 às 15:09
Show 1
Cristiano Ronaldo "curtiu a vida adoidado" horas depois do Real ser goleado pelo Atlético de Madrid.
ACRITICA.COM Manaus (AM)

Os quatro gols sofridos na humilhante derrota para o rival Atlético de Madrid não causaram tantos estragos quanto a mega festa feita por Cristiano Ronaldo logo após a partida o estádio Vicente Calderón. O português não caiu na “sofrência” pela goleada sofrida pelo Real Madrid e festejou muito com parte do elenco merengue na capital espanhola.

O craque português convidou todo o elenco dos galácticos, no entanto, os jogadores espanhóis preferiaram não comparacer ao evento. Parte dos torcedores e dirigentes do Real não gostaram nada atitude do jogador horas depois do time ser “destroçado” pela equipe comandada pelo treinador Diego Simeone. A celebração virou trending topic no Twitter com a hashtag #Lafiestadeladeshonra e causou um mal-estar no grupo merengue.

De acordo com o diário "As", apenas Coentrão, Pepe, Marcelo, Keylor Navas, James Rodriguez, Khedira e Modric compareceram a festa promovida por CR7. Imagens de Cristiano Ronaldo com um sombrero mexicano, Marcelo, James (que foi operado na semana passada de uma fratura no pé), e Keylor Navas cantando reggae circularam pela internet também.

O próximo compromisso do Real Madrid será no sábado (14), no estádio Santiago Bernabeu diante do Deportivo La Coruña, pela 23ª rodada do Campeonato Espanhol.


Publicidade
Publicidade