Terça-feira, 03 de Agosto de 2021
FUTEBOL

Flamel prega cautela contra o Atlético Acreano: ‘São onze contra onze’

O meia ressaltou que o jogo é fora de casa e por isso, o Fast precisa estar atento com a força do adversário



WhatsApp_Image_2021-06-23_at_19.50.02_5EBFDB0D-C02D-4B6E-8817-B6A5025B7570.jpeg Foto: João Normando/FAF
23/06/2021 às 19:51

O Fast se prepara para entrar em campo no próximo domingo (27), contra o Atlético Acreano, em Rio Branco-AC, pela quarta rodada do Grupo A01 da Série D do Brasileirão. Desta vez, a semana de trabalho no clube é bem mais leve em relação às anteriores. No início da semana, o treinador da equipe. Marcelo Conte, comentou que o grupo ‘tira uma pressão dos ombros’ com a vitória e, foi exatamente assim a tônica dos treinamentos do Tricolor de Aço nesta quarta-feira.

Um dos destaques do Rolo Compressor, o experiente meia Flamel comentou sobre o próximo adversário. A situação do Galo Carijó - como é conhecido o Atlético-AC -, não é nada boa, a equipe ainda não pontuou na competição e ocupa a sétima posição ao lado do GAS-RR, que também perdeu todos os jogos, mas engana-se quem acha que o jogador espera um jogo fácil. 



Para Flamel, o Fast deve esperar um jogo difícil, uma vez que a partida é fora de casa, o meia ainda frisou que, dentro de campo são onze contra onze, pregando um discurso de cautela antes do duelo.

“Não (espero um jogo mais fácil), são onze contra onze dentro de campo, eles vão buscar a vitória dentro de casa. A gente tem que fazer o nosso trabalho, trabalhar firme para chegar no jogo e fazer aquilo que a gente vem trabalhando e vem buscando, que é uma sequência de bons resultados e a gente acredita que pelo nosso trabalho, pela confiança que a gente ganhou no jogo passado, a gente tem tudo para fazer uma grande partida e quem sabe sair com os três pontos”, disse.

Vivendo bom momento com a camisa do Tricolor de Aço, o meia de 37 anos foi autor de um dos gols na partida que deu ao Fast, o triunfo sobre o Penarol no último sábado. O que chama atenção no tento marcado foi o fato de ter sido anotado de falta, cada vez mais raro no futebol brasileiro. O jogador comentou sobre o gol e que a batida é fruto de muito trabalho.

“A gente tem essa característica, a gente procura aproveitar quando tem essa oportunidade e eu pude ser feliz na cobrança e nós pudemos conquistar os primeiros três pontos e que vai nos dar mais confiança para a competição”. 

Maestro imunizado

Um dos mais experientes jogadores atuando em solo baré, Flamel tomou a primeira do imunizante contra a Covid-19 na última terça-feira (22) em Manaus. O meia acabou se tornando um dos primeiros atletas em atividade a se vacinar e fez questão de tornar essa informação pública através de um post através de suas redes sociais. 

O jogador não escondeu a satisfação em ter sido vacinado e relembrou que perdeu familiares e amigos durante a pandemia ainda em curso da Covid-19.

“A gente sabe que o momento é muito difícil, a gente esperava e espera muito por esse momento (da vacinação) e ali foi um momento de muita felicidade, como relatei na rede social, é melhor que um gol da vitória aos 47 do segundo tempo. A felicidade é muito grande e muitas pessoas não tiveram essa oportunidade e a gente lamenta por isso, mas já é uma esperança para todos e que logo todo mundo possa estar vacinado e livre”, comentou o jogador que prosseguiu:

“A gente perdeu amigos e familiares próximos também, e sempre tem pessoas próximas que perdeu ou que passou por uma situação difícil, ontem tivemos a felicidade de uma amiga nossa - que foi entubada - e recebeu alta, então a gente fica feliz por ela e por outras pessoas também que conseguiram vencer, então é um momento realmente complicado, mas que a gente vê a esperança já com a vacina”, finalizou.

João Felipe

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.