Terça-feira, 21 de Maio de 2019
De olho da segunda

Flamengo faz planos para conquistar 2ª edição da Copa da Primeira Liga

Time da Gávea entra em campo pelo torneio no dia 8 de fevereiro, contra o Grêmio, em local ainda não definido pelo Rubro-Negro; no dia 29 de janeiro, a equipe de Guerrero e Cia. estreia na temporada pelo Cariocão 2017 contra o Boavista, no dia 29 deste mês.



flamengosantosbras2016.jpg
Rubro-Negro almeja conquistar título da Primeira Liga em sua segunda edição (Foto: Reprodução)
05/01/2017 às 14:36

De 22 de janeiro ao dia 8 de outubro, ocorrerá a segunda edição da Copa da Primeira Liga. Em 2017, o torneio contará com a participação de dezesseis equipes de quatro Estados brasileiros. Entre eles o Flamengo, que no ano passado caiu na semifinal da competição.

Atlético-PR e Coritiba tiveram suas ausências confirmadas ainda em 2016. Já os novos clubes que farão parte do torneio serão Brasil de Pelotas, Chapecoense, Joinville, Paraná e Londrina, além de Cruzeiro, Ceará, Grêmio, Internacional, Avaí, Figueirense, Criciúma, Atlético-MG, América-MG e Fluminense, que disputaram a competição no ano que se passou.

Inicialmente, os dezesseis clubes serão divididos em quatro grupos, com os dois primeiros colocados de cada um desses seguindo para a fase de quartas de final. A partir dessa etapa, os confrontos serão disputados em jogo único. Os vencedores de cada grupo serão os mandantes em suas partidas, e conhecerão seus respectivos adversários através de sorteio envolvendo os segundos colocados.

O Flamengo estará no grupo B, juntamente com América-MG, Ceará e Grêmio.

A caminhada rubro-negra terá início com um clássico do futebol brasileiro. No dia 8 de fevereiro, o Flamengo enfrentará a equipe do Grêmio em sua estreia pela competição. O local do jogo ainda não definido pela diretoria flamenguista.

*Com informações da assessoria


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.