Terça-feira, 21 de Maio de 2019
FUTEBOL DE BASE

Flamengo vence Palmeiras e é campeão da Copa do Brasil Sub-15

Gol salvador de Lázaro no início do segundo tempo dá o primeiro título do ano para o futebol de base do Flamengo, que bateu o Palmeiras por 1 a 0 na grande final da competição da categoria infantil



20170122121947_931.jpg
Garotos do Ninho fazem a festa com primeira taça conquistada pelo Flamengo em 2017 (Foto: Divulgação)
22/01/2017 às 11:27

Acostumados a vencer desde cedo, os atletas da geração Sub-15 do Flamengo sagraram-se campeões neste domingo (22) da Copa do Brasil de Futebol Infantil, após vencerem o Palmeiras da decisão. O segundo título em três anos conquistado pelos Garotos do Ninho na competição (o primeiro foi ganho em 2015) teve como herói o camisa 11 Lázaro, que marcou o gol da vitória aos 12 minutos do segundo tempo e calou o estádio Domenico Paolo Metidieri, que estava lotado pela torcida palmeirense.

"Hoje a base do Flamengo se utiliza do princípio de trabalhar com atletas técnicos e competitivos, e que sejam capazes de fazer sempre a leitura dos jogos. Essa equipe que foi campeã hoje já havia vencido a Copa Dadazinho no ano passado, uma competição que também tem nível nacional. E todos se comportaram da mesma forma. É uma geração que, bem trabalhada, pode dar muitos bons frutos para o Flamengo no futuro.", disse o treinador campeão Mário Jorge.

Jogando em casa, o Palmeiras tentou pressionar o Flamengo desde o início da partida, mas bateu de frente com um forte e eficiente esquema defensivo armado pelo Rubro-Negro, que já sabia da força física da equipe adversária.


Garotos do Fla fizeram a melhor campanha do torneio (Foto: Divulgação)

Dono do melhor ataque, melhor defesa e melhor campanha da competição, o Rubro-Negro soube como controlar os ânimos e a pressão imposta pela equipe paulista e por sua torcida, equilibrou a partida e foi cirúrgico quando teve sua melhor chance no jogo, garantindo assim o primeiro título ganho pelas categorias de base do Ninho do Uburu, já a nível nacional, e no primeiro mês de 2017. 

"Sabíamos que a pressão em cima da nossa equipe seria muito grande na partida de hoje. O time do Palmeiras tem um perfil físico muito forte e alto, com muita velocidade na transição da defesa para o ataque. Fomos inteligentes na neutralização dessas características deles, e conseguimos matar o jogo num rápido contra-ataque, nos aproveitando muito bem de um momento de desequilíbrio do nosso adversário dentro da partida. Como estavam jogando em casa, sentimos em determinado momento que eles estavam um pouco ansiosos para fazer logo o gol, e graças a Deus fomos cirúrgicos quando tivemos a nossa oportunidade", finalizou o treinador Mário Jorge.

*Com informações da assessoria de imprensa


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.