Publicidade
Esportes
Carioca

Vascão bate o Nense e conquista a Taça Guanabara em Manaus

Com gol de Riascos, o Vasco venceu o Fluminense na Arena da Amazônia 17/04/2016 às 21:59
acritica.com Manaus, AM

Sob forte calor do clima amazonense e da torcida vascaína - que era maioria na Arena da Amazônia -, o Vasco sagrou-se campeão invicto da Taça Guanabara. O gol do título foi marcado por Riascos. Com a vitória, o Vasco chegou à sequência de 21 jogos sem perder e quebrou o recorde do século, alcançado em 2011 e 2001, que era de 20 vitórias. A última derrota do Vasco foi no dia primeiro de novembro de 2015, contra o mesmo Fluminense.

A Taça Guanabara terminou com o Vasco em primeiro lugar, com 17 pontos. Na semifinal, o cruzmaltino fará o clássico dos milhões contra o Flamengo. O Fluminense enfrentará o Botafogo na próxima semana.

Jogo pegado
O Fluminense entrou em campo como líder da Taça Guanabara e jogava pelo empate. O clássico dos gigantes começou pegado.  O Vasco investindo em jogadas que começavam com Andrezinho, no meio campo, tentando chegar em Nenê e Riascos. Já o Fluminense tentava lançar bolas para Fred, que após semana polêmica voltou ao ataque do Flu.

Aos seis minutos de jogo, após cobrança de escanteio de Marcos Júnior, Renato Chaves ganha de Martín Silva no alto e marca para o Flu, porém, o árbitro vê falta no lance e anula o gol do Tricolor.

No minuto seguinte, o Vasco respondeu com Andrezinho cobrando falta. A bola quase encobre Diego Cavalieri, mas o goleiro espalmou e a bola bateu na trave.O calor que fazia em Manaus acabou afetando o rendimento de alguns jogadores. Luan passou mal e precisou ser subistituído por Rafael Vaz.

Aos 33 minutos, Fred chutou forte e a bola passou ao lado do gol de Martins Silva. No fim do primeiro tempo, após cruzamento endereçado a Nenê, a bola bateu nas pernas do camisa 10 e acabou saindo.

Na volta para segundo tempo, Riascos perdeu a chance de marcar logo no primeiro minuto da etapa complementar. O jogador tinha o domínio da bola dentro da área do Fluminense, mas tentou driblar demais e a demora na conclusão acabou com desarme da zaga do Flu. Mas se Riascos vacilou uma vez, na segunda oportunidade que teve, o colombiano aproveitou e abriu o placar do jogo aos 20 minutos. Após receber de Eder Luiz a bola na área, ele  chutou no canto direito de Cavalieri.

O jogo ainda teve dois expulsos após confusão na área: Marcello Matos, do lado vascaíno, e Edson, do lado tricolor.

Em desvantagem no placar, o Fluminense tentou marcar o gol de empate, mas com a zaga e Martin Silva atentos, a bola não entrou. Aos 47 minutos, Osvaldo, na marca do pênalti chutou em cima de Martin Silva, que defendeu para sacramentar a conquista do Vasco da Gama.

Publicidade
Publicidade