Publicidade
Esportes
BRASILEIRO SÉRIE A2

Fora de casa, 3B perde para o Minas/Icesp e sai em desvantagem no duelo pelo acesso

Jogando no Distrito Federal, as Feras perderam de virada por 2 a 1. O segundo e decisivo duelo pela vaga na elite do futebol feminino brasileiro acontece domingo (1º) na Arena da Amazônia 24/06/2018 às 17:42 - Atualizado em 24/06/2018 às 22:58
Show whatsapp image 2018 06 24 at 17.21.20
Fotos: Denir Simplício
Denir Simplício Brasília (DF)*

Em jogo decidido no último minuto, o 3B foi derrotado pelo Minas/Icesp-DF, na tarde deste domingo (24), pelo placar de 2 a 1, no estádio Maria Abadia, o "Abadião", em Ceilândia, Brasília (DF). A partida válida pelo jogo de ida das semifinais do Campeonato Brasileiro Feminino da Série A2 marcou a primeira derrota da equipe amazonense na competição. Agora, o time baré terá de vencer o jogo da volta para conquistar o acesso à elite do futebol nacional. 

O segundo e decisivo duelo da Fera com as Minas de Brasília acontece no próximo domingo (1º), às 16h, na Arena da Amazônia. Uma vitoria do 3B por um gol de diferença leva a decisão do acesso para as penalidades, um triunfo por dois gols sobre as Minas garante o 3B não apenas na final da competição, como também o garantirá na Série A1 do Brasileirão feminino de 2019.

Resumo do jogo

Com gols de Andiara e Victoria Albuquerque para o Minas/Icesp-DF  - Luana Spindler marcou pelo 3B -, as Minas conseguiram a vitória e a vantagem de jogar pelo empate na partida da volta. O jogo foi marcado pela emoção até os instantes finais, quando o time do Distrito Federal conseguiu o triunfo, após sair perdendo para a equipe amazonense.

O gol que salvou as Minas da derrota dentro de casa só saiu aos 49 minutos do segundo tempo com uma penalidade polêmica marcada pela arbitragem.  A meia Victoria Albuquerque, que foi liberada em cima da hora pela Seleção Brasileira Sub-20 só para disputar esse jogo pelo Icesp-DF, decretou a virada das Minas no duelo.

O duelo também deixou marcas na Fera que, além de perder a invencibilidade desde que saiu do amadorismo, perdeu as zagueiras Tânia Maranhão e Isabela lesionadas durante o confronto.

"Não gosto de falar de arbitragem, mas ao meu ver no lance do pênalti a jogadora delas estava impedida. Mas temos a convicção de que fizemos uma boa partida e que em Manaus poderemos reverter a situação e conseguir o acesso", comentou o técnico Sérgio Duarte ao fim do jogo.

3B e Minas/Icesp-DF voltam a se enfrentar no próximo domingo, desta vez na Arena da Amazônia, em Manaus.  A diretoria do clube ainda não confirmou, mas o segundo e decisivo jogo das semis deve ser com portões abertos aos torcedores.

*O repórter viajou a convite do 3B.

Publicidade
Publicidade