Publicidade
Esportes
Craque

Futebol Brasileiro: Interdição do Engenhão adia jogo do Botafogo contra Vasco para abril

O clássico, por sua vez, foi remarcado para quarta-feira, dia 3, às 18h30 (Manaus), em Volta Redonda, e o holandês terá que cumprir suspensão 28/03/2013 às 11:33
Show 1
Presidente do Botafogo, Maurício Assumpção (à direita), fica desolado após anúncio
acritica.com ---

Seedorf está fora do clássico com o Vasco. A Federação de Futebol do Rio (Ferj) confirmou nesta quarta-feira (27) o adiamento da partida contra o Friburguense para o dia 10 de abril, devido a interdição do Engenhão.

O clássico, por sua vez, foi remarcado para quarta-feira, dia 3, às 18h30 (Manaus), em Volta Redonda, e o holandês terá que cumprir suspensão. “Quando o jogador é expulso, ele tem que cumprir suspensão no próximo jogo. Se houve inversão de tabela, isso não influência em nada”, disse o procurador geral do Tribunal de Justiça Desportiva, André Valentim. Marcado para domingo, o clássico foi inicialmente transferido para São Januário, mas houve uma divergência entre as diretorias dos clubes. Respaldado pela Polícia Militar — que não autoriza que o estádio receba um público visitante acima de 10% —, o Vasco teria 90% da torcida em São Januário. Essa possibilidade, porém, foi descartada pelos alvinegros, que queriam o clássico com 50% para cada clube. “Parece justo, razoável e coerente. Entendo o Vasco, mas nesse momento o Botafogo não acha adequado privar a sua torcida do clássico”, afirmou Anibal Rouxinol, diretor executivo alvinegro.

A falta de acordo provocou também o adiamento do jogo contra o Friburguense, que seria realizado nesta quinta-feira (28), em São Januário. Sem ter as condições impostas para o realização do clássico aceitas, a diretoria vascaína vetou uso do estádio pelo Botafogo.“O Vasco foi solicitado para ceder e cedeu. Num segundo momento, o Vasco pediu a boa vontade e não recebeu do Botafogo. Não digo que seja retaliação. Se o Botafogo não aceita, acho que também não cabe a eles atuarem no nosso campo”, disse o presidente do Vasco, Roberto Dinamite.

Aluguel

A interdição do Engenhão provocou uma série de mudanças na rotina do elenco alvinegro. Com o local do treino de ontem alterado para a sede de General Severiano, o grupo teve um inesperado encontro com o astro do MMA Anderson Silva, que participava da gravação de um comercial para uma empresa de telefonia. Com parte da sede alugada para a produção, os jogadores tiveram que dividir o espaço com câmeras e holofotes. O treinador Oswaldo de Oliveira, por exemplo, concedeu entrevista na quadra de basquete, já que a sala de imprensa estava sendo utilizada como camarim do lutador.

Publicidade
Publicidade