Publicidade
Esportes
Craque

Garotos da base se destacam no último jogo do Naça, já eliminado pela Série D

Os meias Hayllan e Erik foram dois dos cinco amazonenses em campo na vitória sobre o Náutico-RR, na partida de encerramento do Nacional no Brasileirão 14/09/2015 às 09:18
Show 1
Jogadores da base do Nacional, Hayllan e Erik honram a camisa
Denir Simplício ---

Se os medalhões contratados pela diretoria do Nacional não levaram o Leão da Vila Municipal ao tão sonhado acesso, pelo menos alguns garotos da base do clube tiveram a oportunidade - mesmo que pouca - de mostrar seu valor.

Os meias Hayllan e Erik foram dois dos cinco amazonenses em campo na vitória sobre o Náutico-RR, na partida de encerramento do Naça no Brasileirão da Série D. Ambos vestiram a camisa do Leão no Amazonense de Juniores deste ano e foram integrados ao elenco profissional, porém, somente depois que o Nacional já estava eliminado da competição.

Hayllan, inclusive, marcou o primeiro gol na segunda vitória do Naça no torneio. “Pude fazer um bom jogo. Quero poder dar alegria a essa torcida, que merece ser muito feliz. Que merece subir, subir e subir. E que merece jogadores que realmente tenham amor pelo clube”, desabafou o jogador de 18 anos, que mora do CT Barbosa Filho e sonha em ter novas chances com a camisa do Nacional.

Erik, de 19 anos, entrou no final da partida e por pouco não marcou o terceiro gol do Leão. Foi a estreia como jogador profissional e um sonho realizado. “Pena que foi pouco tempo, mas foi uma das sensações mais gostosas que eu já tive na vida. É um sonho que eu realizo e espero continuar por aqui. Mas depende da diretoria”, relata o jovem, que perdeu a mãe a apenas um mês atrás.

“Sei que ela está aqui e me viu jogar. Sinto a presença dela... estou feliz”, comenta o atleta da base do Nacional, que não sabe o futuro que a diretoria do Naça reserva pra ele.

Publicidade
Publicidade