Publicidade
Esportes
Craque

Gavião e Rolo Compressor lutam pelo primeiro título da Copa Amazonas e vaga na Copa Verde

A partida decisiva coloca frente a frente duas equipes que acenderam uma rivalidade nova. Isso porque o Manaus “tomou” a liderança e a vantagem do Tricolor, que jogaria por um empate na final se não tivesse perdido o jogo para o rival por 1 a 0 na última terça-feira 29/10/2015 às 20:57
Show 1
Igor Cearense faz a primeira final como treinador e Darlan Barroso montou um time favorito ao título
Anderson Silva Manaus (AM)

Nesta sexta-feira (30) o Amazonas vai conhecer o segundo e último representante na terceira edição da Copa Verde. Devastadores na competição, Manaus e Fast vão brigar até o último minuto do único jogo da final, no estádio Jornalista Carlos Zamith, que vai definir o participante da competição regional. Nas duas últimas edições, Nacional – que já garantiu a vaga pela terceira vez – e o Princesa foram os participantes. A partida terá início às 20h.

Vai ser “guerra”

A partida decisiva coloca frente a frente duas equipes que acenderam uma rivalidade nova. Isso porque o Manaus “tomou” a liderança e a vantagem do Tricolor, que jogaria por um empate na final se não tivesse perdido o jogo para o rival por 1 a 0.

Com a “guerra” declarada pela vaga, o técnico do Fast, Darlan Borges alertou que o Tricolor não vai ser o mesmo time da última terça-feira.

“Não valia nada. Vai valer hoje que vou jogar com o time completo à beira do campo. Vamos com tudo, pra cima, para reverter essa vantagem deles”, declarou Darlan.

Quanto a ter mandado pra campo um time com vários reservas para poupar jogadores advertidos com o segundo amarelo, Darlan declarou a decisão foi tomada pela diretoria.

“Entrar com o time reserva fez diferença no jogo. Mas foi a diretoria que quis entrar com o time reserva. Mas vamos jogar tudo no jogo”, finalizou o treinador.

Ataque contra defesa

Caberá ao Fast a missão de balançar as redes do Manaus, para ser campeão. Até agora, o Gavião ainda não sofreu gols na competição.

“Acho que vai ser um grande jogo e o torcedor vai ganhar muito com isso. O Fast continua favorito, mas nossa equipe vem crescendo a cada partida”, afirmou o técnico do Manaus FC, Igor Cearense, que fará a primeira final como treinador do profissional.

“O Fast tem um grupo. Não vejo só um time titular. O Manaus sabe da importância desse jogo e respeitamos sempre o adversário”, disse Igor que conta com o retorno do zagueiro Fábio Gomes. “O retorno dele vai trazer mais liderança e experiência”, garantiu.

Publicidade
Publicidade