Publicidade
Esportes
Craque

Ginasta amazonense representará o Estado no Campeonato Brasileiro de Ginástica

Hayssa de Lima Lobato é uma das promessas da ginástica rítmica do Amazonas. Com apenas 11 anos, a atleta disputará competição nacional na categoria infantil, em São Paulo, no início do próximo mês 17/06/2015 às 18:11
Show 1
Hayssa de Lima Lobato é uma das promessas da ginástica rítmica amazonense.
ACRITICA.COM* Manaus (AM)

Graça, beleza, precisão e plasticidade. Aspectos que marcam a ginasta amazonense Hayssa de Lima Lobato. A atleta, que é uma das apostas da ginástica rítmica amazonense,  se apresenta pela primeira vez para todo o Brasil em Osasco, São Paulo, entre os dias 1º e 5 de julho, quando disputa o Campeonato Brasileiro de Ginástica Rítmica na categoria infantil (de 11 a 12 anos).

Hayssa, que tem apenas 11 anos de idade, confessou que está nervosa, mas muito feliz em participar de um evento de nível nacional. “Só de estar participando de uma competição como esta, já estou muito feliz. Espero não sentir o nervosismo, pois será a grande oportunidade para mostrar o meu nível em cena nacional”, disse a ginasta medalhista de bronze no último campeonato regional realizado no dia 6 de junho.

De acordo com a presidente da Federação Amazonense de Ginástica (FAG), Artemis Soares, com o potencial da ginasta, o Amazonas tem chances de medalhar na competição.


“A Hayssa é uma atleta concentrada e dedicada. Estamos a três anos treinando pesado na Vila Olímpica e acreditamos no potencial dela. Ela está indo pela primeira vez para um campeonato brasileiro e tem tudo para fazer bonito na competição”, declarou a mandatária.

Para Samia Silva, treinadora da jovem nos últimos quatro anos, este é o momento de pôr em prática tudo que foi treinado. "Ela é uma das favoritas na categoria dela com certeza. Esse torneiro será o momento de mostrar todo o seu talento. Treinamos bastante nos quatro estilos (mãos livres, arco, bola e as massas) pelos quais ela irá passar durante o campeonato e estamos confiantes na conquista de resultados positivos", disse a técnica.

Apoio da família

A ginasta, que recebe o apoio do Governo do Amazonas por meio da Secretaria de Estado da Juventude, Desporto e Lazer (SEJEL), tem na família o apoio maior nos momentos mais difíceis.

Segundo a mãe da ginasta, Karen Cirramens, todo o tempo disponível é dedicado à pequena notável. Pois os treinos no Centro de Treinamento de Alto Rendimento da Amazônia (CTARA) - onde a ginasta desponta como uma das feras no esporte -, começaram a ficar mais intensos e preocupação com o desempenho da atleta é grande.


“Tenho três filhos e a Hayssa é a única menina. Estou super emocionada de ver minha filha representando nosso Estado em uma competição nacional. Admiro a postura e a coragem dela. Todos os dias em casa tivemos que nos adaptar a rotina dos treinos de duram até 5h por dia. Creio que todos os pais deveriam fazer isso por seu filhos. Incentivar a pratica de esporte pois faz toda diferença”, encerrou.

*Com informações da assessoria


Publicidade
Publicidade