Publicidade
Esportes
NACIONAL

Goleiro do Nacional segue confiante no título e lembra herói de 2015

Um dos destaques do time no Campeonato Amazonense, Marcelo Valverde diz que confia no trabalho do grupo e quer ser referência no time 09/06/2017 às 05:00 - Atualizado em 09/06/2017 às 08:55
Show valverdeeeeeee
O goleiro protagonizou boas defesas durante o campeonato
Camila Leonel Manaus (AM)

Marcelo Valverde tem sido um dos destaques do Nacional no Campeonato Amazonense no primeiro jogo da final contra o Manaus, não foi diferente. Apesar da boa atuação, ele não pôde evitar o gol do adversário no fim da partida, mas o arqueiro acredita que o Nacional possa reverter o placar.

Para ser campeão, o Nacional precisa de uma vitória simples. Empate nem pensar, já que o resultado favorece o Manaus.

Sobre o gol, Valverde mencionou que foi um balde de água fria, mas que isso não afetou o plantel. “É um balde de água fria. Uma coisa que você sabe que pode acontecer. O futebol sempre tem momentos como esse, mas acontece. É coisa da profissão. Isso não me afeta em nada. Eu sei do meu potencial, confio no meu trabalho e no trabalho que está sendo feito da comissão e do Naílton (preparador de goleiros). Então eu estou muito tranquilo mesmo”, disse.

A confiança e a tranquilidade do arqueiro também vem do trabalho realizado no clube azulino durante todo o campeonato. “A preparação tem sido intensa desde o começo. O grupo tem muito foco determinação não só para esse jogo, mas vem se preparando há um bom tempo e é o momento que todo mundo quer, todo mundo espera e a gente sempre se prepara pra isso. Esperamos fazer um bom jogo”.

Inspiração

Na última vez que o Nacional foi campeão amazonense, um dos destaques foi o goleiro Rodrigo Ramos, que fez vários milagres na meta nacionalina e Valverde confessa que também espera ser campeão e ser uma referência assim como o ex-goleiro do Nacional.

“Eu acompanhei um pouco do Rodrigo Ramos no Nacional. Ele foi um destaque por aqui e espero poder também ser essa referência. Eu trabalho para isso: poder  ser uma referência, um destaque e ajudar. Espero de verdade que possamos ser campeões e possa coroar o trabalho que foi feito ao longo do campeonato e dar esse título à massa nacionalina, para nos jogadores, comissão técnica, diretoria e todos que acreditaram no meu trabalho e dos jogadores”, completou.

Publicidade
Publicidade