Publicidade
Esportes
Culpa da crise?

GP do Brasil de Fórmula 1 sob risco de não acontecer em 2017

Calendário provisório da próxima temporada da categoria mais rica do automobilismo ainda não confirmou a corrida no País; Alemanha e Canadá também correm risco de ficar de fora do circuito da F-1 2017 28/09/2016 às 17:06
Show 2014 f1 18 brasil tl1 rosberg
Profunda crise econômica no Brasil poderia ser uma das causas da não-confirmação do GP de São Paulo em 2017 (Foto: Divulgação/F1)
Reuters Manaus (AM)

As corridas de Fórmula 1 no Brasil, Alemanha e Canadá foram colocadas como sujeitas a confirmação em um calendário provisório de 21 provas para 2017, publicado pelo órgão que controla a categoria, nesta quarta-feira (28)

O Grande Prêmio da Itália, em Monza, cuja vaga havia sido posta em dúvida até a realização de um acordo durante a corrida deste mês, foi listado em setembro, como ocorre normalmente, depois da Bélgica.

A Alemanha permanece incerta devido à relutância de Hockenheim de sediar um GP, a não ser em anos alternados, e a falta de acordo com Nuerburgring. A prova no país foi retirada em 2015.

O chefe comercial da Fórmula 1, Bernie Ecclestone, também tem pressionado por melhorias no circuito de Montreal Gilles Villeneuve, cujo contrato terá que ser renovado no próximo ano, e na pista de Interlagos, em São Paulo. O Brasil também está sofrendo sua mais profunda recessão econômica em décadas.

Ecclestone havia advertido em junho que o calendário de 2017 poderia ser reduzido das atuais 21 corridas para 18, mas Monza era vista naquele momento como uma das atingidas.

Sem corridas novas, após a estreia do Azerbaijão neste ano, as principais alterações foram as mudanças de data e o remanejamento de alguns emparelhamentos.

A prova final será novamente em Yas Marina, Abu Dhabi, em 26 de novembro.

Veja o calendário provisório:

26 de Março - Austrália (Melbourne)

9 de Abril - China (Xangai)

16 de Abril - Bahrein

30 de Abril - Rússia (Sochi)

14 de Maio - Espanha (Barcelona)

28 de Maio - Mônaco

*11 de Junho - Canadá (Montreal)

18 de Junho - Azerbaijão (Baku)

2 de Julho - Áustria (Spielberg)

9 de Julho - Inglaterra (Silverstone)

23 de Julho - Hungria (Budapeste)

*30 de Julho - Alemanha (Hockenheim)

27 de Agosto - Bélgica (Spa-Francorchamps)

3 de Setembro - Itália (Monza)

17 de Setembro - Malásia (Sepang)

1 de Outubro - Cingapura

8 de Outubro - Japão (Suzuka)

22 de Outubro - EUA (Austin)

5 de Novembro - México (Cidade do México)

*12 de Novembro - Brasil (São Paulo)

26 de Novembro - Abu Dhabi

*Sujeitas a confirmação

Publicidade
Publicidade