Quarta-feira, 08 de Julho de 2020
Em casa

Ídolo do futebol amazonense, Sérgio Duarte mantém a forma no estilo 'home office'

Aos 54 anos, ele e a esposa Sandra espantam qualquer desânimo e dão show de disposição. Passando o período de quarentena em Manaus, O CRAQUE conversou com o treinador que comentou sobre os treinos com sua amada e também o futuro no Real Ariquemes



WhatsApp_Image_2020-05-26_at_16.23.39_022DC664-171D-4F16-89A3-0DD0DD353EBB.jpeg Foto: Junio Matos
27/05/2020 às 17:20

A quarentena causada pelo coronavírus lançou um novo desafio no quesito saúde em ‘home office’. O ídolo do futebol amazonense Sérgio Duarte, comandante do América campeão estadual em 2009 e tetracampeão como jogador nacionalino, atualmente treinador do Real Ariquemes-RO, realiza treinos em casa para manter a boa forma conquistada nos tempos de jogador. Aos 54 anos, ele e a esposa Sandra espantam qualquer desânimo e dão show de disposição. 

Passando o período de quarentena em Manaus, o Craque conversou com o treinador que também teve passagens por 3B e Iranduba no futebol feminino, ele comentou sobre os treinos com sua amada e também o futuro no comando do clube rondoniense. 



“Estou em Manaus há três semanas e tenho evitado ao máximo sair de casa. Os treinos em casa estão sendo bem naturais para mim e a Sandra. Ganhei esse hábito com os anos que passei jogando futebol e depois que passei a ser treinador”, destacou sobre seu espírito de atleta, que mesmo após a aposentadoria segue firme. 

“Quase sempre fazemos os treinos pela parte da manhã, iniciando às 7h, todos os dias da semana. Nosso descanso é no sábado e domingo, para também não causar uma fadiga desnecessária”, completou a respeito de sua rotina de exercícios.

Segundo Sérgio, no cenário atual, manter-se ‘na ativa’ ou começar a praticar atividades físicas é fundamental. Ele lembra que não somente o Covid-19 pode ser letal para um corpo ‘inerte’. 

“É importante que cada um realize os exercícios na sua condição e de preferência com uma orientação profissional. Existem muitas formas e profissionais ministrando treinos nos meios de comunicação. Assim nós criamos um organismo pronto para nos defender, não somente contra o vírus mas diante do sedentarismo e outros problemas”, afirmou o professor, que também acumula passagem por: Sul América, Holanda, São Raimundo, Fast e Rio Negro.

Há nove anos, o ídolo amazonense ajuda pessoas que buscam uma melhor qualidade de vida com o projeto “Satisfação”. Onde ele dá aulas de treino funcional para várias faixas-etárias no bairro Centro e adjacências.

“Às vezes fazemos cota para comprar material ou pra ajudar as pessoas que passam necessidade e também fazemos doações à entidades que prestam esse tipo de auxílio”, contou sobre a iniciativa que une saúde à solidariedade, mas que por enquanto encontra-se parada devido o isolamento social.

Esbanjando experiência à beira do gramado, Sérgio tem futuro indefinido no Real Ariquemes - ele estreou com vitória por 2 a 0 diante São Francisco da Bahia. No momento ele possui proposta para seguir comandando as rondonienses, mas declara que está aberto para conversas com outros clubes. 

“O Real Ariquemes decidiu liberar comissão técnica e jogadoras da equipe feminina em virtude da pandemia. A ligação com o clube foi interrompida, mas recebi proposta para comandar o time até Dezembro de 2020.  Contudo estou bem à vontade com uma possível proposta por parte de outras equipes e até quem sabe retornar a treinar uma equipe masculina”, concluiu sobre os projetos pós pandemia, que podem até incluir uma mudança de categoria. 

News whatsapp image 2019 06 21 at 16.12.51 7cbfadd4 8d2b 47cf a09e 336b83276e71
Repórter de A CRÍTICA

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.