Domingo, 17 de Outubro de 2021
Balanço

‘Infelizmente o retrato é esse’, diz Lecheva ao apontar problemas nos bastidores do Fast na Série D

Sem mais chances matemáticas de avançar no Brasileirão Série D, Fast irá cumprir tabela nas próximas duas rodadas



WhatsApp_Image_2021-08-25_at_10.58.11_1DDDBEC1-DA10-4BE6-B195-45BFAF8D4749.jpeg Foto: João Normando / FAF
25/08/2021 às 11:15

O Fast, no último fim de semana, foi a Itacoatiara para uma partida de seis pontos contra o Penarol, pela 12ª rodada do Brasileirão Série D, mas o Tricolor de Aço não teve uma jornada feliz. A derrota por 2 a 1 acabou matematicamente eliminado a equipe da competição, já que não tem mais chances de avançar à próxima fase.

No rescaldo da eliminação, o treinador Ricardo Lecheva fez um breve balanço da campanha até aqui. O treinador – que assumiu o Rolo Compressor em julho deste ano após a quinta rodada – encontrou um elenco ‘rachado’, permeado por uma grave crise de gestão.

“O balanço que a gente pode fazer do Fast nessa Série D é um balanço ruim. Não conseguiu se encontrar durante a competição, fez principalmente uma primeira fase muito ruim, com muitos problemas de gestão. Conflitos dentro do elenco, conflitos de gestão do clube, com aquela divisão da empresa com a diretoria. A empresa, que era responsável pelo clube a até a rodada retrasada, acabou não cumprindo com o acordo e isso atrapalhou todo o planejamento”, disse Lecheva, que prosseguiu:

“Infelizmente o retrato é esse: depois de um ano de 2020 muito bom, com chances reais de acesso, esse ano não empolgou, não entusiasmou em nenhum momento. Por mais que tenha melhorado o desempenho nas últimas partidas, a recuperação já veio tardia e por isso fica fora da próxima fase da Série D”.

EXTRA-CAMPO PESOU

O treinador, que chegou para ‘trocar o pneu com o carro em movimento’, foi categórico ao afirmar que os conflitos nos bastidores do Rolo Compressor pesaram em campo e, por isso, o desempenho tão abaixo foi visível na competição.

“É claro que fica muito evidente a questão do jogo, dentro campo, mas quem acompanha um pouquinho os bastidores do Fast, sabe que o problema do extra-campo, os problemas fora do campo, principalmente na parte de gestão, foi um dos principais problemas que o Fast enfrentou nesta Série D”, finalizou Lecheva.

CUMPRINDO TABELA

Sem chances de classificação, o Fast tem agora apenas a missão de cumprir tabela. O próximo duelo do Tricolor de Aço será no sábado (28), às 17h, no estádio da Colina. O adversário será o São Raimundo-RR, pela 13ª rodada do Brasileirão Série D.



João Felipe

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.