Sábado, 31 de Julho de 2021
FARO DE GOL

Inspirado em Lewandowski, Vanilson quer superar artilheiros do Brasil este ano

Goleador do Manaus na temporada, Vanilson já tem mais gols marcados este ano que nomes conhecidos como Hulk, Pedro e Thiago Galhardo



vanigol_B3396584-C4C0-4F1A-BFD8-474E5E643921.jpeg Foto: Iago Albuquerque
03/06/2021 às 08:49

Se no futebol amazonense o atacante Vanilson vem sobrando quando o assunto é bola na rede, no cenário nacional o centroavante esmeraldino já consegue olhar de perto para o pelotão da frente, que briga pela ‘chuteira de ouro’. Com 11 gols em 12 jogos, o ‘Vanigol’ - como vem sendo carinhosamente chamado pela torcida - falou sobre a possibilidade de figurar entre os atacantes que mais contribuem com o ‘grande momento do futebol’.

“Meu primeiro foco é o acesso, o grupo, conseguir objetivos para o Manaus. É claro que também tenho os meus pessoais, isso seria muito bom. Eu perdi cinco jogos do Amazonense que poderia ter me feito até chegar na artilharia e estar mais bem colocado nesse ranking do Brasil, mas acontece, agora é daqui para frente. A Série C nos dá outras oportunidades e quem sabe a gente não possa alcançar esse objetivo”, frisou o atacante do Manaus.



Com os dois gols que fez na vitória contra o Santa Cruz, Vanilson ultrapassou em tentos jogadores conhecidos do público em geral no futebol brasileiro. Gilberto do Bahia tem 10 gols, enquanto Pedro do Flamengo, Hulk do Atlético-MG e Thiago Galhardo do Internacional marcaram nove vezes respectivamente. Com tantos nomes de peso na lista, Vanilson revelou se inspirar em outro jogador bem acostumado aos holofotes. 

“Hoje, eu particularmente me inspiro muito no Lewandowski, fico procurando olhar as movimentações dele, aprender um pouco mais, pois quanto mais evoluir, a tendência para conseguir fazer gols é maior. Então hoje eu acompanho muito o Lewandowski, a movimentação, a saída de área, em termos gerais, eu me inspiro muito nele”, revelou o centroavante esmeraldino.

Concentração na Série C

Com a vitória na estreia, o grupo do Manaus ficou bem animado para a sequência da competição. Vanilson diz estar feliz com o atual momento e acredita que o Manaus tem condições de trazer, do Rio de Janeiro, um bom resultado na bagagem.

“Estou feliz pelo o que estou fazendo aqui no Manaus, tenho trabalhado bastante pra isso, acredito que a nossa equipe está preparada. Sabemos como é a Série C, não tem jogo fácil, o Santa Cruz é um grande time e a gente conseguiu vencer aqui. Volta Redonda vem de derrota, sabemos que eles irão querer vencer a todo custo e a gente tem que tirar proveito disso. É uma boa equipe, fez um grande Carioca, mas acho que temos uma equipe qualificada para chegar lá e surpreender também”, concluiu o atleta.

Com três pontos e na terceira posição na tabela de classificação do grupo A, o Manaus vai até a ‘Cidade do Aço’, no Rio de Janeiro, para encarar a equipe do Volta Redonda no próximo domingo (6), às 15h (horário local), no estádio Raulino de Oliveira, pela segunda rodada da Série C. A equipe da casa sofreu uma derrota na estreia, por 3 a 0, sendo dominado pelo Altos-PI. Com isso, o Voltaço ocupa a lanterna da Série C.

 

Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.