Publicidade
Esportes
Craque

Iranduba é Seleção: dupla de 'Guerreiras do Hulk' são convocadas para o Brasil Sub-20

A lateral Bruna Calderan e a atacante Kelen foram convocadas pelo técnico Doriva Bueno e farão parte do elenco preparatório para disputa do Mundial da categoria, em Papua Vona-Guiné 20/02/2016 às 12:29
Show 1
Bruna e Kélen são as primeiras jogadoras do Iranduba convocadas desde 2013.
ACRITICA.COM Manaus (AM)

A fase do time feminino do Iranduba é mesmo das melhores. Além do reconhecimento nacional pelas grandes atuações, que credenciaram as “Guerreiras do Hulk” para a segunda fase do Brasileirão, a equipe amazonense teve duas jogadoras convocadas para a Seleção Brasileira Sub-20. O que mostra que o Verdão anda no caminho certo rumo a voos maiores no cenário do futebol brasileiro.

A atacante Kélen Benden e a lateral Bruna Calderan foram chamadas pelo técnico Doriva Bueno  para a fase de preparação da Seleção Brasileira que visa a disputa do Mundial Sub-20, em Papua Nova-Guiné, em novembro. As atletas do Hulk deve se apresentar na Granja Comary no dia 29 de fevereiro para o início dos treinamentos. 

Dupla feliz

A última convocação de uma jogadora do Iranduba havia ocorrido há três anos. Na ocasião, a zagueira Brenda Silva foi chamada para compor o time canarinho que se preparava para o Sul-Americano de 2014.

Apesar da sexta convocação na carreira, a atacante Kélen Bender estava feliz por ser chamada por suas atuações pelo Iranduba. “Tem um gosto diferente por a gente estar num time novo. No ano passado nós estávamos no Kindermann e tínhamos convocações também, mas acho importante para o clube essas convocações e espero que mais meninas daqui sejam chamadas”, disse a camisa 9, que completa 20  anos no domingo (21).


A atacante, nascida em Passo Fundo, no Rio Grande do Sul, comentou que não sentiu receio em perder o espaço no time canarinho, mesmo atuando na outra extremidade do País. “Penso que não (medo de não ser mais convocada). Porque sabíamos da equipe qualificada que a gente tem. A gente já esperava que haveria o retorno e, como estamos jogando o Brasileiro, sabíamos que os treinadores iam estar vendo tudo o que estamos fazendo”, explicou. 

Não menos radiante com sua sétima convocação para vestir a verde-amarela está a lateral Bruna Calderan, 19 anos, que apesar de atuar pelo lado esquerdo no Hulk, joga pela direita na Seleção Brasileira. “Sim, estou muito feliz por mais uma vez estar representando meu País! E com certeza as atuações pelo Iranduba ajudaram muito”, revelou a camisa 6 do Verdão.

A gaúcha de Sananduva explicou que o fato de ter sido chamada para a Seleção em nada vai atrapalhar a preparação para fase seguinte do Brasileiro, marcada para iniciar no final de março. “Quando chegarmos lá, (Granja Comary) vamos focar na Seleção e quando voltarmos pra cá será completamente diferente. Até porque são fases: a Seleção Brasileira é uma fase e o Iranduba é outra. Então nós vamos estar bem cientes disso”, pontuou.

Vale lembrar que outras atletas do Iranduba têm passagens pela Seleção e são cotadas para defender o Brasil na luta pelo ouro olímpico na Rio 2016.

Publicidade
Publicidade