Quinta-feira, 20 de Junho de 2019
3 PONTOS

Iranduba supera erros e vence São Francisco-BA na Arena da Amazônia

O próximo confronto do Hulk será contra o Corinthians, no dia 9 de maio, em São Paulo



WhatsApp_Image_2019-04-30_at_20.12.29_4E2745CE-5C14-4ECC-BC1C-31A05CC45E74.jpeg Foto: Márcio Silva
30/04/2019 às 21:14

Em uma partida sofrida, o Iranduba conseguiu superar o São Francisco-BA, por 3 a 2, na noite desta terça-feira (30), na Arena da Amazônia, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro Feminino Série A1. Os gols do Hulk foram marcados por Mayara e Djeni (2), já pela equipe baiana, Camila e Bruna Periquita converteram.

O próximo confronto do Iranduba será contra o Corinthians, no dia 9 de maio (quinta-feira), às 19h30, no Estádio Parque São Jorge, em São Paulo.

Autora dos dois gols do alviverde irandubense, Djeni admitiu que a equipe precisa melhorar a qualidade das trocas de passe, mas afirmou que isso não ofusca a vitória.

"Elas aproveitaram os nossos erros. Perdemos as bolas no nosso campo de defesa e isso não pode acontecer. Precisamos trabalhar isso, pois são erros que vêm nos prejudicando. Mas isso não interfere na conquista dos três pontos, que era o nosso objetivo desde o princípio", disse a jogadora.

Para o treinador Igor Cearense, a partida não foi uma das melhores do grupo no Campeonato, mas o melhor às vezes é o resultado positivo do que uma bela atuação.

"Eu prefiro que a equipe saia do campo com os três pontos do que com o resultado negativo e ter jogado maravilhosamente bem. Assim é o Campeonato Brasileiro de pontos corridos. Agora é corrigir os erros para a partida contra o Corinthians na semana que vem", finalizou o comandante.

A partida

O Iranduba começou pressionando a equipe baiana, mas, com erros de passe na defesa, cedeu duas boas oportunidades para o São Francisco abrir o marcador. Contudo a finalização não foi nenhum perigo para a goleira Sol.

O Hulk só teve uma boa chance aos dez minutos. A lateral direita Monalisa cobrou o escanteio e a zagueira estreante Victoria pulou mais alto que a defesa adversária e cabeceou a bola, que saiu tirando tinta da trave.

O alviverde irandubense não conseguia se infiltrar na ótima marcação da equipe visitante, além dos frequentes erros de passe. O Iranduba só conseguiu assustar a equipe do São Francisco aos 39 minutos. Dessa vez, a lare Jaylis cruzou da esquerda e Djeni aparece na área como elemento surpresa e cabeceia pro gol, mas a goleira baiana Isabela joga para a linha de fundo.

No fim de primeiro tempo, o Hulk conseguiu se impor mais na partida e teve outra chance de marcar, quando Elisa fez jogada individual pela esquerda, foi até a linha de fundo e cruzou rasteiro para trás para Yoreli chutar chapado, mas a bola bateu na rede pelo lado de fora, aos 43 minutos.

O gol só saiu no último minuto de jogo. Aos 47 minutos, Djeni cobrou falta rasteira, no canto esquerdo da goleira Isabele, que espalma para o lado. Na sequência, Mayara chegou na sobra e, de primeira, chutou cruzado sem chances de defesa. Fazendo 1 a 0 para a equipe da casa.

Na volta do intervalo, o São Francisco deixou a postura defensiva no vestiário e foi para cima do Iranduba. Aos três minutos, a ofensividade baiana surtiu efeitos, quando Pelé recebeu cruzamento da direita e chutou cruzado, mas a bola foi para fora.

Aos seis minutos, o São Francisco ficou tocando a bola na frente da área do Iranduba, que não deu combate. Até que Camila chutou no ângulo, encobrindo a goleira Sol e empatando a partida.

O Hulk reagiu ao gol fazendo o segundo. Karla aproveitou a falha da defesa e fez o pivô na área, tocando para Djeni que chutou de primeira, colocando o alviverde irandubense mais uma vez na frente do placar, aos 12 minutos do segundo tempo.

O Iranduba continou pressionando, mas pecava na marcação e ficava propício aos contra-ataques. Aos 25 minutos, Camila puxou a equipe baiana para a defesa irandubense. A meia invadiu a área, driblou a goleira que derrubou a jogadora, onde o árbitro Fred Lopez marcou a penalidade máxima.

Na sequência do lance, a própria Camila foi para cobrança, mas não conseguiu superar a goleira Sol, que segurou firme a bola no canto direito.


Sol defendeu a cobrança de pênalti. Foto: Márcio Silva

Mas o São Francisco não desistiu da partida e conseguiu mais uma vez o empate aos 33 minutos. Desta vez, Bruna Periquita experimentou de fora da área, a goleira Sol perdeu o tempo da bola e aceitou o chute. 2 a 2.

O Hulk conseguiu desempatar aos 39 minutos. A ponta Brenda foi derrubada da entrada da área, Djeni fez a cobrança e colocou a bola no ângulo da goleira Isabela. Sem chances de defesa. Fazendo 3 a 2 Iranduba.

 

FICHA TÉCNICA

Iranduba: Sol, Monalisa, Victoria, Antônia, Jaylis, Amanda, Yoreli, Djeni, Mayara (Brenda), Elisa (Gisele) e Deise (Karla).

São Francisco-BA: Isabela, Fran, Talita, Tamires (Lane), Maria, Natália, Vanessa, Camila (Ana Jéssica), Joice, Bruna Piriquita e Pelé.

Receba Novidades

Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.