Quinta-feira, 09 de Julho de 2020
VISITA CAMPEÃ

Jacaré e Nuguette fazem a festa das crianças em Centro de Convivência, em Manaus

Os lutadores do UFC visitaram o Centro de Convivência para conhecer e conversar com pequenos lutadores dos projetos sociais.



Jaca_e_Nuguette.jpeg "Jacaré" e "Nuguette" fizeram a festa das crianças no Centro Magdalena Arce Daou (Fotos: Antônio Lima)
15/03/2018 às 21:17

“Vou trazer o cinturão para vocês! Essa foi a frase que o lutador de UFC amazonense, Ronaldo “Jacaré”, disse para o seu grande público de pequenos lutadores do Centro de Convivência Magdalena Arce Daou, Zona Oeste, nesta quinta-feira (15). Não apenas “Jacaré”, mas também o lutador Alan “Nuguette” fizeram a alegria dos atletas de judô, jiu-jitsu, caratê, muai thay e taekwondo, e na oportunidade, conversaram com eles, falando de suas experiências e aconselhando as crianças do Centro de Convivência.

“Assim como vocês estão aqui, eu também vim de um projeto social, e não conseguia enxergar à frente, mas meu objetivo era melhorar um pouquinho a cada dia, todos os dias, eu ia pra academia tentar melhorar. Por exemplo, judô e caratê são esportes olímpicos, então, pensem, daqui a oito anos, eu quero ir às Olimpíadas; já o pessoal do jiu-jitsu, pensem em ser campeões mundiais faixa-preta, e foquem nisso, porque pensar pequeno é igual pensar grande”, disse Jacaré às crianças.



Aos 38 anos, “Jacaré” vem de uma vitória expressiva, por nocaute, contra Derek Brunson, e já está com luta marcada com o lutador Kelvin Gastelum, no UFC Rio, na Arena da Barra, dia 12 de maio. Jacaré sabe que não é mais um garotinho, mas afirma que ainda tem um objetivo grande a cumprir.

“A minha caminhada no esporte ainda não acabou, quero e vou ser campeão do UFC, tô devendo trazer esse cinturão pra vocês, e quando eu devo, eu pago, então, daqui a mais uns dias estarei aqui novamente com o cinturão”, promete.

O campeão também disse a seu público de fãs do Centro de Convivência que quer vê-los chegar longe para torcer por eles. “A idade chega pra todo mundo, daqui a pouco vou estar me aposentando, vão ter outros atletas vindo aí, e vocês são o futuro. Acredito que daqui a um tempo, eu vou estar lá torcendo por vocês”. 

Alan “Nuguette” falou que também vem de projetos sociais, e aconselhou as crianças e jovens. “A gente é um espelho para essas crianças, e digo para elas não desistirem do sonho delas, continuarem. Para chegar longe, é necessário trabalhar e dar sempre o seu melhor”, ressaltou. 

Agora, ele e “Jacaré” irão se preparar para seus próximos confrontos. “Vou para os EUA treinar com o Jacaré, melhorar o wrestling, e também quero ajudar ele a ser campeão”, disse.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.