Quinta-feira, 25 de Abril de 2019
publicidade
FUT7_F375824D-B74E-49AA-9DC1-BA4CBED91FBD.jpg
Foto: Michell Mello
publicidade
publicidade

DESTAQUE

Amazonenses relatam experiência na seleção brasileira de Fut7 e alçam novos voos

Os três amigos e atletas de futebol society Márcio Souza, Mário Cesar e Fernando Stenveson são os pioneiros da modalidade em solo baré


18/03/2019 às 20:10

Muito pouco ainda se ouve falar sobre o Futebol Society 7, também denominado de Fut7. O esporte mescla os naipes do futebol campo e salão com seis jogadores de linha e um goleiro atuando em uma quadra de grama sintética. 

Na cidade de Manaus, o Fut 7 passou a fazer ‘barulho’ no ano de 2016 com a fundação da Federação Amazonense da modalidade e a convocação de dois jogadores do estado para a seleção brasileira pela primeira vez: o fixo Márcio Souza e o goleiro Mário Cesar. 

“Em 2016 nós jogamos o primeiro campeonato amazonense aqui quando eu e o Mário criamos a federação. Nós colocamos o AVEC (Área Verde Esporte Clube) e fomos campeões. Depois ganhamos a vaga pra disputar a Taça Brasil no Rio de Janeiro, onde ficamos em terceiro lugar, fomos para o Mundial de Clubes e, a partir daí, a gente começou a crescer com o esporte. A nossa convocação começou dar visibilidade pro Fut7 no Amazonas”, explicou Márcio Souza.

Para o goleiro Mário César representar o Fut7 do Estado na Seleção por diversos lugares diferentes no mundo foi um sonho realizado. “Graças a Deus esse ano deu uma crescente no fut7 com relação a calendário, que nós não tínhamos. Então é bom saber que estamos conseguindo expandir, inclusive até exportar jogadores pra outros lugares”, relatou Mário César.

Experiência na Seleção

publicidade

Os dois atletas viveram a experiência de disputar a Copa do Mundo de Fut7 no ano de 2017 na Guatemala, parando nas quartas de finais, e a Copa América em 2018, quando conquistaram o vice-campeonato. Márcio Souza lembra com muito orgulho a sensação de ter usado a braçadeira de capitão na seleção.

“Tive o privilégio de ter sido escolhido como capitão e foi uma sensação maravilhosa, foi um sonho de criança realizado”, disse o jogador.

Reforços de Peso

Outro jogador de ponta de Fut7 no Amazonas é o fixo Fernando Stevenson, que apesar de ainda não ter jogado com a camisa da seleção marca o seu nome no esporte em Manaus.

“Nós praticamente trouxemos o fut7 pra cá, e ano passado disputamos o mundial de clubes pelo Área Verde. E neste ano, uma equipe do Canadá, o United Nova FC, me chamou pra disputar o Mundial de Clubes em abril, em Cancún, no México”, disse Fernando.

A dupla Márcio e Mário também vai disputar a mesma competição, mas defendendo as cores do Sport Recife. 
 

publicidade
publicidade
PC procura autor do disparo que matou lutadora de jiu-jitsu no Japiim
Ministro Lewandowski vem a Manaus para palestra em congresso de magistrados
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

publicidade
publicidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.