Publicidade
Esportes
Desabafou!

José Aldo fala em cancelar contrato e anuncia aposentadoria do UFC

José Aldo esperava ser confirmado como adversário de Conor McGregor na defesa do título dos pesos-pena. Sem a luta, ele "chutou o balde" 27/09/2016 às 20:20 - Atualizado em 27/09/2016 às 21:22
Show 2831 27.14.2016 112346 ef 20160615
Atualmente, o amazonense José Aldo é dono do cinturão interino do peso-pena. (Foto: Reprodução/Facebook)
acritica.com Manaus-AM

O amazonense José Aldo parece ter desistido de manter boas relações com o UFC após a confirmação da luta entre Conor McGregor e Eddie Alvarez no UFC 205, em Nova York, pelo cinturão peso-leve.

Derrotado pelo irlandês em dezembro de 2015, José Aldo já pediu inúmeras vezes, publicamente, a chance de disputar a revanche contra McGregor, mas o desejo não foi atendido pelo Ultimate. Diante da nova recusa da organizadora, o brasileiro declarou que espera ter o contrato cancelado, em entrevista ao Combate.com.

"Depois disso tudo, vejo que não posso confiar em nenhuma palavra do presidente Dana White e que quem está no comando do evento agora é o Conor McGregor. Como não estou aqui para ser empregado do McGregor, hoje eu peço que cancelem o meu contrato com o UFC", disse José Aldo em entrevista ao site.

Em outra entrevista, ao programa "Revista Combate", o lutador amazonense chegou a declarar sua aposentadoria."Não é que estou de cabeça quente, revoltado, estou muito tranquilo, conversei desde muito antes que queria encerrar minha carreira e tomar novos rumos. Queria fazer um trajetória boa e deixar um legado na categoria. Queria me aposentar como campeão peso-pena, mas não foi dessa maneira. Estou realmente estou de saco cheio", teria dito José Aldo.

O mandatário da modalidade, Dana White, porém, já teria afastado qualquer possibilidade de afastamento do lutador.

Publicidade
Publicidade